Poesias

A Concha

                  

        Somente tu

        viste uma concha,

        baú de pedras

        nacaradas.

  

       Somente tu

       viste uma concha

       guardando pérolas

       preciosas.

  

      Somente tu

      viste uma concha

      de silhueta encarnada

      sem rosa, sem nada.

 

       Mas mente,

       –– somente quem diz,

          ver a nudez bela,

      da mulher e das rosas!

 

    Elzana Mattos

**********

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • La imagen puede contener: texto

  • Somente aplauso nessa delicia de poema, imaginável.

  • Que maravilha de poema, muita magia com uma música encantadora. Parabéns pela criatividade dos teus versos. Aplausos e bom dia!

  • Parabéns, poetisa, poema lindo, maravilhoso, encantador... Abraços, paz e Luz!!!

  • Ai que lindo Zana. Parabéns!

  • Lindo poema. Talvez falte, na figura que o inspirou, a expressão do olhar a desnudar as alegrias ou tristezas carregadas em sua alma.
This reply was deleted.
CPP