Poesias

A GRANDIOSIDADE DA NATUREZA

A GRANDIOSIDADE DA NATUREZA

A lua radiante já se escondia lá fora

Os raios solares apontavam por trás dos montes

A escuridão se veste de luminosidade e vai embora

As estrelas rápido desapareceram no horizonte...

Ah, os pássaros logo gorjeiam anunciando o alvorecer!

Árvores balançam seus ramos umedecidos pelo orvalho...

Sim, agora já é dia e a rosa desabrocha pra vida,

O vento sopra suave, jogando suas folhas ao chão

Demonstrando o quanto a humanidade é favorecida

Recebendo de graça, da Natureza, toda sua doação...

A Flora e a Fauna nos contemplam com suas riquezas

Em pleno ato de doçura, renovação e total Amor

Harmonizando-se em sentimento de pura grandeza

Até o tempo demarca, no ciclo do dia, seu esplendor...

O arco-íris cintila o espaço com sua aquarela de cores

As alvas nuvens viajam por toda extensão do céu

Minha inspiração logo chega, valorizando os valores

No azul do horizonte, o branco se destaca formando um véu...

A beleza é tanta que ofusca até a minha retina

Enchendo de ternura e esperança a Luz de meu olhar

Toda esta obra de arte, me deixa inspirada, me fascina

Liberando da minh’alma as emoções, este meu poetizar...

Ah, navego pela imaginação, logo me encho de felicidade

Respiro fundo, ouvindo a música que saí do coração

Sabendo que a mágica da vida está na simplicidade

Assim, aproveito os ensinamentos, as edificantes lições.

Elisabete Leite – 17/04/2017

Imagens: Google.

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e das Poesias.

Join Casa dos Poetas e das Poesias

Comentários

  • Parabéns, poetisa amiga, poema lindo, primoroso, falando sobre a (Gaia) mãe natureza/Terra mãe... Abraços, paz e Luz!!!

    • Obrigada nobre amigo poeta Ilario Moreira, pela leitura e gentil comentário. Lisonjeada sempre pela sua visita. Boa tarde!

  • Divinamente lindo demais maravilhoso excelente
    • Obrigada querida amiga Meire, pela leitura e carinho ao comentar. Beijos de Luz! Lisonjeada pela sua nobre visita.

  • Adm

    • Obrigada querida e nobre poetisa Marsoalex, pela leitura e gentil comentário. Lisonjeada sempre pela sua visita. Beijos de boa tarde!

  • Sempre magnífica, parabéns querida Elisabete, beijinhos.
    • Obrigada querida amiga e nobre poetisa Cristina, pela leitura e carinhoso comentário. Beijinhos... Sempre lisonjeada com a sua ilustre visita. Boa tarde!

This reply was deleted.
CPP