Poesias

De mau jeito

De mau jeito

 

De mau jeito eu acordei

E o dia seguiu assim

Passos lentos cambaleantes

Eu mesma tropecei em mim.

 

Ao ver meu corpo no chão

Estatelado beijando o capim

Olhei assustada ao redor

Pra ver se riam de mim.

 

Ninguém riu ninguém chorou

Fizeram pouco de mim!

 

Dolores Fender

12/08/2017

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Parabéns, poetisa, belos versos, adorei. Abraços, paz e Luz!!!

  • Adm

    Vixi, Dolores, tropeçar deste jeito ao ponto de cheirar capim, significa um dia bastante complicado.

    Mas eles existem, esses dias quando se apresentam assim, passam com uma lentidão enervante.

    Parabéns pela criação.

  • É de louvar a sua criatividade, parabéns amiga Dolores, beijinhos.

This reply was deleted.
CPP