Poesias

De mau jeito

De mau jeito

 

De mau jeito eu acordei

E o dia seguiu assim

Passos lentos cambaleantes

Eu mesma tropecei em mim.

 

Ao ver meu corpo no chão

Estatelado beijando o capim

Olhei assustada ao redor

Pra ver se riam de mim.

 

Ninguém riu ninguém chorou

Fizeram pouco de mim!

 

Dolores Fender

12/08/2017

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Parabéns, poetisa, belos versos, adorei. Abraços, paz e Luz!!!

  • Vixi, Dolores, tropeçar deste jeito ao ponto de cheirar capim, significa um dia bastante complicado.

    Mas eles existem, esses dias quando se apresentam assim, passam com uma lentidão enervante.

    Parabéns pela criação.

  • É de louvar a sua criatividade, parabéns amiga Dolores, beijinhos.

This reply was deleted.
CPP