Poesias

LIBERDADE

LIBERDADE

 

Sou a água da cachoeira

Que cai fria

Funde-se no solo

Deságua

Encharca

Molha os campos

Na alegria da descoberta...

Sou uma deusa encantada

Caminho na chuva

Procuro abrigo

Busco uma gota de saudade

O caminho que eu possa

Conhecer a liberdade...

 

 Irá Rodrigues

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP