Poesias

Princesa.

Princesa.

Vivi quatro décadas para trás
Mas, não as viverei para sempre.
Pois, reto estará o chão que achei
E a terra que irá cobrir-me.

Pois sei que tudo se há primórdio
E que no céu, restará meus sonhos
De tudo que deixei para você
E no quanto eu gravei o meu amor.

Pois, na vida eu te carreguei menina
E cá, pude entender a natureza
E a saudade que ela nos deixa.

Entretanto ainda tenho você,
E o seu lindo carinho de princesa
Ora ontem, ora hoje por séculos.

Ednaldo F. Santos

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

fantasia, saudade, amor, olhares, sorte, beijos, alma, paixão,

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP