Poesias

Adm

Quando a vida

Quando a vida...

Quando a vida, ao ser humano, desafia,
é preciso ser valente e prosseguir,
ter uma meta e trabalhar o dia a dia,
pra vitória, na jornada, conseguir.

persistir, ter esperança no devir,
não vergar na aflição que anestesia.
Quando a vida, ao ser humano desafia,
é preciso ser valente e prosseguir.

Todo bem se recebe com alegria.
Assim, quando a tristeza faz surgir
uma dor que causa n'alma agonia
é preciso ir com fé e persistir,
quando a vida, ao ser humano desafia.

Edith Lobato - 16/03/16

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –
Adm

Edith Lobato

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Esplêndido excelente parabéns ameiíiii
  • Resultado de imagem para gifs aplausosEncantada em poder desfrutar de tão belos versos.

  • Passando para reler sua inesquecível obra de arte, um Rondel encantador, muita reflexão fluem em nossa mente. Parabéns e aplausos. Agradecida por todo seu carinho e acolhida. Boa noite ilustre poetisa Edith Lobato!

  • Edith, belíssimo Rondel, cuja temática leva o leitor a refletir sobre

    a vida, a persistência na luta, o enfrentamento dos desafios... Além

    da beleza poética, a perfeição, o cuidado ao escrever. Amei! Bjs.

  • Maravilhoso excelente ameiíiii ficou show
  • OK!...seguindo a receita!...Meus muitos aplausos minha cara filósofa-poetisa!...Um primor de poema mui bem desenvolvido; um tema mui bem escolhido e magistralmente a nós apresentado!...Aplausos e beijos fraternos.

  • Um verdadeiro compêndio de objetivos de vida, ornados pela beleza dos teus versos, Edith! Parabéns!

  • Decodificar-te Edith é uma boa atitude de continuar aprendendo, e também de desfrutar dos seus textos!

  • Edith, é sempre um prazer sem igual ler os versos de quem se esmera numa produção com cuidado formal, ainda mais buscando a adequação à forma fixa da poética clássica! No entanto, não é só o fato de se ajustar às regras formais o que causa deleite à leitura desses versos seus, mas também a solidariedade que se desprende das palavras, enchendo cada verso de uma ideologia tão necessária por ser tão humanista:o conteúdo do seu rondel é um afago e um alento para todo leitor que, em algum momento, teve de encarar a vida. Nesse texto seu, forma e conteúdo deram-se as mãos para aplaudir, com seus leitores, o seu talento!

  • Sensacional poetizar, do jeito que gosto, rimas admiráveis enfeitam seus versos de maestria. Bravo ilustre poetisa Edith Lobato. Boa noite!

This reply was deleted.
CPP