Poesias

Romance

Romance e insinuação iniciam com vermelho.

Cor e rubor aditivos são, de que se valem os folhetins, em paralelas projeções em carmim.

Sugestivas são as belas, das populares novelas, tanto quanto nos contos eruditos, que se aventuram ao inaudito.

Irônicas ou simpáticas, figuras enigmáticas, que tapeiam a desventura na sombra de um leque, onde a candura da face pode representar um blefe.

A cor modela, todas elas, senhoras, donzelas, trajadas em gala, na seda que farfalha resplandecem adornadas, de cetim cravejadas. Ombros desnudos, insinuantes, lábios carnudos, batom berrante, compasso ardente, que mascara, onde quiçá a tara é de uma frieza cortante.

Segredam, ou talvez não se importem de se portar, como figuras pictóricas, imagens alegóricas, que do real carecem ser, mas se parecem como o social deseja ver.

Poço de desejos? Quiçá na pose, que nada tem de seu, e que somente oferece a face oculta da gazela, que vai à luta e engambela cujos ensejos perdeu.

Envolta em púrpura e galanteios, emblemática em vermelho, habita um mundo acrômico, sem separar o antagônico.

É carmim, a dúbia imagem no espelho, rodeada de luz no camarim, onde as mazelas se escondem por detrás de imagens belas!

 

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Nem o espelho  revela quem somos. Então, fácil é nos identificarmos com as imagens que nos são apresentadas diariamente pelo social em cujo seio vivemos...
    Meus aplausos sempre, Lais! Bjs

    • Grata Marso pelo carinho da visita, e tão feliz comentário

      Bela noite!

      beijos querida

  • O romancear da vida. Beleza de texto.

    Parabens e meus aplausos

    FC

    • Grata Frederico, muito felicitada por tua presença nesta página!

      beijos

  • Verdadeiras palavras nessa sucinto romance,

    onde disse tudo sobre o brilho e o glamour fugaz

    dos camarins! Lindo e real! Bjs.

  • Dissertaste bem esta pura inominável realidade.
    Meus aplausos e admiração.

  • UAU!!!! Que lindo.... parabéns amiga Lais, beijinho.

    • Grata Cristina pelo carinho!

      ... e como se diz por aí...jinhos!

This reply was deleted.
CPP