Poesias

UMA MIGALHA DE CARINHO

Sem os toques, sem os carinhos;

sem a presença e o calor

do corpo da pessoa amada,

sou muito mais solitário e pobre

do que qualquer mendigo,

pois, não ganho um olhar

de compaixão nem de piedade.

 

Como alguém que tem tanto

para oferecer,

pode negar um pouco do que tem?

 

Santo Deus! Por quê? O que há?

Será que não mereço...?

 

Pago por algum ou alguns

dos inúmeros pecados

que cometi na vida passada?

 

Só estou pedindo uma migalha

de carinho! Nada mais!

Não reinvendico minha humilde

e desastrosa entrada no reino

do céu,

nem tampouco a ausência

de fortuna terrena.

 

Eu gostaria de ao menos, Senhor,

em algum momento,

ser tratado como um cachorro

de morador de rua:

ele tem a companhia e o carinho

do seu dono!

 

Quanto a mim, é equânime

vociferar que, trago a alma maltrapilha

e, me sinto invisível entre tanta gente,

e que invejo, envergonhadamente,

os cães dos mendigos...!

 

Ronnaldo Andrade ( R. A)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Nostálgico, mas não deixa de ter sua beleza, parabéns e abraços!

  • Gestores

    A tristeza, por maior que seja, é sempre um campo fértil para a poesia desabrochar com toda imponência e beleza. Lindíssimo! Bjs

    • Obrigado, Marsoalex. Abraço
  • Gestores Adm

    Apesar do tom triste, o momento de inspiração foi superno. Parabéns, Ronaldo.

    • Obrigado, Edith, pelo comentário
  • Ronnaldo, muito lindo seu poema, porém um pouco triste.

    Parabéns!  Abç

    • Há um pouco de tristeza em cada verso. Obrigado pelo comentário, amiga. Abraço
  • Teu versar é tão triste poeta, amor se não  for dado espontaneamente, não é amor...Mas eu sei que isso deve ser só uma poesia...Não é mesmo?...Até porque ninguém merece mendigar amor....
    • Obrigado,Sandra Leone. Isso é só um poema mesmo. Mas há momento que alguém se sente invisível e desejando um carinho... Abraço
  • Gestores
    Seu versar é triste, teus versos a implorar fazem com que minha alma sofra com a tua sem deixar de encantar -me com tanta maestria!
This reply was deleted.
CPP