Sueños de invierno

.

Noite de ilusão e fantasia, meta renovada

baixo a neve fría dos beijos dos enamorados.

Paixão tremulando na pele das árvores secas,

e o luar crescente aconchega ao casal...

.

Paraguas de blanco marfil cubre sus amores,

diseños en flores de novia sujetan alianzas

que saben a eternos y bellos cantos de alabanzas

bebiéndose juntos a sorbos sueños de  colores.

.

Mas, na escuridade do fundo se esconde uma sombra

 da afiada faca noturna -a traição- no horizonte

nesse gesto adusto do homem que cala e não nombra.

.

Tal vez el amor de la novia que entrega -y no esconde-

será encofrado en el hielo del novio,  y se asombra

del gélido adiós que le espera en alguna otra noche.

.

Nieves Merino Guerra

 20 de enero de 2017

>

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

    • Muito obrigada, amada Mar...

       Quanta saudade de você!!

      Beijos muito grandes.

       Te amoadoro, sempre. 

  • Adm

    Nieves, bom dia, você postou seu poema antes da avaliação, uma pena.

    Tivemos problemas ontem e por isto não pode ser encerrada e nem postada a nova imagem.

    Seu poema fica desclassificado para avaliação, mas constará no ebook.

    • Muitissimo mais que obrigada!!!!!

      Comprendo, amada meiga. É que me resulta complicado acessar, escrever... e o mesmo dia que publiquei no grupo, deixei aqui em rascunhos com a data do dia seguinte...

      Mas fico pulando de alegría ao saber que posso entrar no ebook!!!

  • Belíssimo!

    Parabéns, Nieves!  Bjs

    • Obrigada, amada Marcia.

       Beijos

  • Adm

    Lindo poema Nieves, belíssima tua interpretação da imagem.

    Parabéns!

This reply was deleted.
CPP