" E fez o poeta chorar seu lirismo "

O amor que brota em meu olhar,

Ultrapassa todo o entendimento,

Quando diviso a sua imagem a ressaltar,

Por entre  anos em sofrimento.

 

Que seria de mim se encontrasse

Numa esquina qualquer, sem perceber,

Seus olhar lânguido que me abraçasse

E me pusesse a desfalecer?

 

Estou eu a suspirar, a relembrar, a ressofrer

Dos beijos, dos abraços, abandonos

Do tempo que vivi sem ver você

 

E me vem hoje como num canto fúnebre

Sem dia certo, sem morada, entonos,

Emergindo o amor que da vida o tempo encobre ...

Maria Helena da Silva Campos Cruz

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Parabéns por esta linda tela poética, Maria Helena!

  • Maravilhosa Inspiração Amada Poeta Menina Maria Helena SCCruz!

    .

    Você pode posta-la (recomendamos e SUGERIMOS - já no Blog Principal - tendo em vista que o Evento deste Tema que tão bem compartilhastes tuas Inspiração, SE ENCERROU ontem (30-11-2017) as 21 horas.

    .

    Isso acontece... - MAS... Reiteramos e ratifico Nossos e Meus APLAUSOS PELA TUA  BELÍSSIMA OBRA!

    gaDs

This reply was deleted.
CPP