Posts de Ciducha (28)

Meu estranho amor

 
MEU ESTRANHO AMOR 

 

"Esta é a história de um amor singular
(como são singulares, todos os amores que povoam
o mundo)
mas alguns são buscados, esperados...
o meu não."

Caía o ocaso na minha vida, uma vida que foi boa
cheia de odiosas derrotas, mas também vitórias,
uma vida, que tenho orgulho em dizer:
_ Não foi em vão!
E quando eu já lavava as mãos para partir
arrumando meu cantinho, com jeitinho
para ninguém, minha memória denegrir
de repente, tão de repente...
eu me apaixonei!
Mas nem foi tão de repente assim...
Foi um amor feito de palavras mansas
idéias trocadas delicadamente ao longo do tempo
sonhos cúmplices em sintonia
esperanças irmãs, abraçadas no final do dia.
Amor que nasce lentamente, como uma poesia
que ajeita-se aqui e ali suas rimas
e de repente, vai ficando tão bonita
que a gente quase nem acredita!
Como todos os amores, o meu sofreu maremotos
sovado por lavas de vulcões, desilusões
tropeçou e se feriu nas pedras do caminho
mas quase sem fôlego já, conseguiu
levantar-se e ir em frente!
É um amor sem exigências, sem carências
livre como as águias, que dominam os céus com seus vôos
existe e ponto.
Não adianta lutar contra, seria utopia.
E por inverossímil que pareça, mesmo só, estou feliz.
Pois ao contrário do que sempre apregoei
eu consegui... amar e ser amada!
Não irei desta vida com as mãos abanando
sem levar nada... sem deixar nada...
E eu preciso dizer, ao mundo se possível for
que não existe nada melhor do que o amor!
Estou me repetindo?... sim, estou.
E me repetirei pela eternidade afora
em cada uma das minhas horas:
_ O amor é tudo!
E agora, se me perguntares (indiscretamente)
onde está o teu amor?...
Eu lhes direi, com a cabeça erguida e muito orgulho:
_ Está aqui... bem dentro do meu coração!
Ciducha Seefelder


Saiba mais…

Na porta dos nossos setenta anos

 
Nossos quase setenta anos...
(para nós,querido)
Não é fácil colocar a mão
na maçaneta da porta dos setenta anos.
 Mas, com muita saúde e alegria,
estaremos entrando juntos
nessa nova fase da vida.

Do tempo das coisas perdidas
trago fantasias de mim...
Lembranças que se tornaram utopias,
meras elegias ao acaso
que permeou nossos caminhos,
nem sempre unidos,
mas sempre rodeados de carinhos...

Porém, mesmo encarando a verdade,
 não resisto à leviandade...
Quero restar com você
hoje
amanhã
depois...
até o fim!

Na porta dos nossos setenta anos
ainda vislumbro
o sol, a lua e um novo dia
com as bênções em profusão,
sendo derramadas,
no nosso amor...

Então diga-me...
responda:
- Precisamos mais?
Ciducha Seefelder
 
 

Livre de vírus. www.avast.com.
Saiba mais…

Natal inesquecivel

NATAL  INESQUECÍVEL


  Lembranças tantas 
vivas na minha mente !

 uma criança feliz
esperando ansiosa 
a noite de Natal !


Missa do Galo e ,depois,
a ceia rodeada de tantos amores...
Abrir os presentes.
sempre uma surpresa ,que emoção!


Saudades desse tempo
Do meu tempo criança
Em que tudo acreditava
até que Papai Noel existia!

Ciducha Seefelderhttps://youtu.be/_OPUx_RChNo

Saiba mais…

Emoções

Emoções


Nos momentos mágicos que vivemos,
esbanjamos sentimentos, emoções
que jamais serão esquecidos,
e revividos sempre!

Nossa história, escrita em nossas almas,
ficará para sempre no recôndito da memória.
Saudades minhas... tuas... nosssas...
Perdoa-me se não sorri o suficiente...

Foram tantos os detalhes,
tão ricos e sempre envolventes...
Que povoarão para sempre os meus dias,
por mais vazios que sejam, até de rebeldias!

E eu sei que estaremos juntos novamente,
para reviver nossas emoções, uma a uma.
É a minha súplica diária: - Que o tempo nos una!
O mesmo tempo que se interpôs entre nós...

Mas não apagou as emoções...
Que se redobram ao serem lembradas,
e serão mais ricas, ao serem revividas!
Minhas emoções... tuas... nossas!
Ciducha Seefelder


 

Saiba mais…

Estrela Cadente

Uma estrela cadente Ilumina o mundo com seu brilho ao riscar, misteriosamente, o céu! Essa estrela roubou a cena ao deixar atrás de si um fulgurante véu! E eu, aqui... querendo entender... tentando saber... sonhando em rever... tão…
Saiba mais…

Conversando comigo mesma

Hoje estive pensando que deveria fazer um balanço da minha vida... Desde sempre, na minha infância, mocidade... fui bela e mimada, nascida e criada em berço de ouro. Requisitada por muitos, pude escolher meu príncipe encantado... que me levou ao…
Saiba mais…

Devaneio Noturno

...Sentir seu calor

braços fortes a me enlaçar

olhar súplice...

 

sugerindo,intuindo

 

mãos ágeis,

ansiosas

 

corpos nus,

suados

 

tesão aflorado

e,depois...

 

juntos,

saciados...

 

felizes!
Ciducha Seefelder

 
Santos,Novembro de 2017

 

Saiba mais…

Desabafo

Está enganado... Não é aos meus pés que se arrasta, é nos pés da sua indolência que atiça-me a impaciência e nos afasta... Nada me pede. E eu nada peço a você. Não fazemos troca
Saiba mais…

Amo voce

AMO VOCÊ! O tempo sublima os nossos pensamentos, e o que era inconfesso, hoje eu professo, como a minha lei: - Eu amo você! E não há no mundo, em mil anos ou um segundo nada que me faça recuar: - Amo você! Vou esperar...
Saiba mais…

Meu modo de ser

Meu modo de ser Ciducha Foi bom e foi único, o meu modo de viver! Não há espaço para arrependimento. O sofrimento, se houve, eu dei conta, do meu jeito, do modo que eu sei sem ajoelhar jamais sem súplicas contendas iras...
Saiba mais…

Seus beijos

Seus beijos!

 

Sinto-os ainda...

como se pudesse vê-lo

estender a mão e tocá-lo

roubar seus beijos!

Oferecer-me ao insano furto

dos beijos meus, para juntá-los aos seus

levando-nos ao delírio

delicioso delírio!

Seus beijos...

preciso deles e é urgente!

Quero seus dengos,

seus prazeres,

que são meus também!

Seus beijos,

lembro bem...

os enleios tantos que vivemos

trêmulos e de corpos enlaçados,

às vezes saciados

outras vezes, nem tanto...

deixando sempre para depois,

um pouquinho de nós dois...

nos beijos seus...

nos beijos meus...

nossos beijos!

Ciducha Seefelder

Saiba mais…

Coisa de pele&Amor dragão/Ciducha/Angelo d'Avila

https://youtu.be/hIrFollH3rU

  1. Coisa de Pele...
    *Ciducha*

    É coisa de pele...
    um enlace dos desejos
    penetrando os sonhos
    tornando-os bisonhos.

    Sentir arrepios
    no toque dos dedos
    atiçando teu corpo
    com os meus cabelos.

    É coisa de pele
    sentir o teu pé
    teu peso e teu corpo
    que eu também quero.

    Delícia de passeio
    das mãos na tua pele
    recebendo teus beijos
    te roçando de leve.

    Fingir que não quero
    com olhar de desdém
    mas com o corpo, buscar-te
    como nunca, a ninguém.

    Sim... é coisa de pele
    que queima por dentro
    que parece maior
    que o meu pensamento.

    Explicar eu não quero
    só quero sentir
    deleitar-me no gozo
    quero mais... lhe pedir!
    Beijos ansiosos

    &

    AMOR DRAGÃO
    (Ângelo d’Ávila)

               
      É coisa de pele... (Ciducha)
     
    Quero em tua pele alvacenta e lisa,
    acarinhar-te o corpo de sul a norte...
    Quero amor de fogo banhado em brisa,
    o teu carinho me ganhar na sorte...
     
    Não te demores não, me venhas logo,
    tenho fome de ti, desejo infindo...
    Quero como um dragão soltando fogo
    incendiar o amor no teu corpo lindo.
     
    Depois que o desejo saciar-me a fome,
    quero escutar e repetir teu nome
    pra sempre ter uma lembrança tua.
     
    Mesmo que possa aparecer miragem,
    guardarei na saudade a tua imagem
    para lembrar-te eternamente nua.
     
    http://www.revista.agulha.nom.br/adavila.html

    http://www.antoniomiranda.com.br/_brasis/distrito_federal/angelo_d_avila.html 
     

    Ciducha
    Publicado no Recanto das Letras em 16/01/2008
    Código do texto: T819957
Saiba mais…

Saudades,Roberto!

Hoje faz 20 anos que nos deixou! Partiste rápido....nem tivemos tempo de nos despedir! Havia tanta coisa ainda a dizer!! Achei que não fosse sobreviver! Não fosse nossos meninos....a dor talvez fosse maior!!
Saiba mais…

As voltas que a vida dá

As voltas que a vida dá! Chegou assim simplesmente... Depois de quase uma vida sem notícias, surgiu como se fosse um raio, aquele que hipnotiza quando risca o céu. De repente, o passado se fez presente... Recordações da…
Saiba mais…

Devaneios

Devaneios... Do tempo das coisas perdidas trago pedacinhos de mim. Não resisto: Como querer-me nova, se me faço antiga sempre Trago ainda uma dose de fantasia,
Saiba mais…

Saudade

Saudade Ciducha Saudade...saudade da emoção saudade da paixão dos momentos vividos que marcaram a vida da gente. Às vezes parece o vento que passa por nós como uma pluma de quando em quando é turbilhão tempestade,maremotos!…
Saiba mais…

Esta noite

Esta noite fartei-me de sonhar contigo Pensamentos à deriva... Vaguei minhas mãos por teu corpo beijei teus lábios senti que ainda estou viva! Esta noite percebi que nossos sonhos separados são discretos e noturnos pecados plenos de…
Saiba mais…
CPP