Minha Página

Claudio Roberto Favoretto agora é amigo de Gilnei Neves Nepomuceno e Veraiz Aparecida dos Santo Souza
Adm
Jan 21
Claudio Roberto Favoretto commented on Claudio Roberto Favoretto's blog post A próxima volta
"Obrigado meu amigo.
Abraços!"
Jan 6
Claudio Roberto Favoretto commented on Claudio Roberto Favoretto's blog post A próxima volta
"É verdade Edith. Nós mesmos temos consciência e acabamos agredindo ela. Somos imperfeitos!
Sem nós sua vida segue, mas sem ela a nossa não.
OBRIGADO!
 "
Jan 3
Claudio Roberto Favoretto commented on Claudio Roberto Favoretto's blog post A próxima volta
"Obrigado Gilnei."
30 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto posted a blog post
 Obrigado por nos levar com você.Obrigado por nos ter dado corpo e consciência.Obrigado pela oportunidade de ser parte da sua essência, da sua história, do seu imenso momento.Obrigado, Pião gigante, Planeta errante. Ao voar leva esperança.Em seu voo…
30 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto e Edith Lobato agora são amigos
Adm
29 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto commented on Claudio Roberto Favoretto's blog post Quero Natal
"Obrigado!  Meu desejo é que todos nós possamos encontrar e animar a centelha de luz. Se por ela somos a vida segue fácil."
27 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto posted a blog post
Quero Natal
23 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto promoveu o post de Edvaldo Rofatto CORNUCÓPIA
23 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto e Angélica agora são amigos
Adm
23 de Dez de 2016
Claudio Roberto Favoretto agora é amigo de ZKFeliz, Nieves Merino Guerra, Ednaldo Florentino dos Santos e mais 1
Adm
21 de Dez de 2016
Obrigado!
Ao tempo , a todos, à vida e à poesia.
Claudio Roberto Favoretto agora é membro de Casa dos Poetas e das Poesias
20 de Dez de 2016

Meu Blog

Meus Recados

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e das Poesias.

Join Casa dos Poetas e das Poesias

Comentários

This reply was deleted.

Minhas Informações

Aniversário:

Fevereiro 7


Qual seu nome completo?

Claudio Roberto Favoretto


Sexo?

Masculino


Data de nascimento

07/02/1968


Local de residência (apenas Cidade / Estado / País)

Araraquara / SãoPaulo /Brasil


Item fundamental para aprovação. Fale sobre você ((trabalho, experiências, gostos e ou preferências, familia, produção poético-literária....).

Sou professor de Física no Ensino Médio. Fui casado durante 16 anos. Fomos muito felizes e abençoados durante 15 anos e 4 meses. Em física dizemos que o tempo é relativo a quem o identifica. O meu casamento provou-me isto. Para ela, Newton basta. Não sou poeta. Adoro e amo poesias. Um dia serei poeta. Pelos meus cálculos, no tempo cósmico, faltam 4 encarnações!!! Então, vamos treinar!!


Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Edith Lobato via recanto das letras


Insira uma Foto pessoal tua em teu Perfil. (no Perfil e não neste Questionário)

Sim


Concorda que as poesias eróticas (caso as poste), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

Sim


Concorda em interagir conforme possa, com os demais membros participando e interagindo das atividades da Casa?

Sim


Concorda em NÃO POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

Sim


Deixe o Link de teu Facebook: (caso tenha)

http://https://web.facebook.com/claudio.favoretto.5


Deixe o link do Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://www.recantodasletras.com.br/autores/claudiofavoretto


Publique neste espaço, um ou até dois textos de tua autoria. (não precisam ser extensos)

Raiva Vencida Se a raiva te dominar, Nada fales, nada faças. Limpa bem tua vidraça, E deixas o tempo passar. Agir com raiva extrema, Provoca dor e sofrimento. O Eu tolhe o sentimento, E a alma fica pequena. O Riacho Procurei em tudo que existe, Na vida, na morte e no tempo, Mas não consegui encontrar A verdade que não depende Da verdade de cada um. Coloquei-me ao lado de todos, Que construíram os caminhos, Que levam a esta verdade, Mas não consegui encontrar A verdade que não depende Da verdade de cada um. Resolvi invadir-me por dentro, Procurar nos meus pensamentos, Vasculhar em meus sentimentos, Mas não consegui encontrar A verdade que não depende Da verdade de cada um. Vazio e cansado de tudo, De toda procura em vão, Sujo das poeiras do tempo, Resolvi parar o Caminho, Sentar-me na beira do Riacho, Despir-me de tudo que tinha, Do que tinha por dentro E do que tinha por fora E me lavar em suas águas cristalinas. Então consegui perceber A verdade que não depende, Na verdade de cada um.


Minhas Fotos

CPP