Posts de Francisco Martins Silva (19)

A Senhora dos Livros - Peça de Teatro

A SENHORA DOS LIVROS

(Peça de Teatro)

 

 Francisco Martins Silva

 

A peça A Senhora dos Livros é uma abordagem sobre o mundo da leitura, do gosto por livros e artes literárias. É representada num cenário que caracteriza um salão, o Salão dos Livros cujo ambiente é bastante visitado por aqueles que prezam pela leitura, pelo universo poético, dos contos, da imaginação e das fábulas.

 

 O DOM DE LER

 

Ler é a arma do aprendiz,

É o farol na busca do conhecimento,

É o caminhar pelas linhas e entrelinhas

Das palavras e das frases de poder

Que levam à formação,

É o desdobrar dos pilares

Para o mais alto grau da Educação

 

Francisco Martins Silva

 

A senhora dos livros - Peça de Teatro

Gênero: drama

Personagens: 7

Por Francisco Martins Silva

Uruçuí – Piauí

2018

 

 

Personagens

 

A Senhora dos livros

Ana Mel

Léo

Dona Quitéria

Bento

Maria Flora

Juan

 

Época: Primeira metade do século XXI

Lugar: No belo e encantado Salão dos Livros

 

PRIMEIRO ATO

[Num senário que representa um salão todo bem caracterizado transmitindo a ideia de uma sala de livros, bem apropriado para exposição de diversas obras literárias com objetivo de receber visitantes leitores que se fascinam pelo mundo das fábulas e das lendas. No centro há uma mulher que representa a Senhora dos livros, esta dialoga com as crianças, jovens e até adultos que procuram o salão para conhecerem as obras de artes literárias].

 

CENA I

 

NARRADOR

(Voz pausada e grave. Em tom poético. Fundo musical)

- Num belo salão ornamentado por livros em estantes, prateleiras, mesas e até no chão...

De livros com vários títulos, temas, assuntos, histórias de literatura pra todos os gostos. Dos poemas aos contos, dos romances aos ensaios, das crônicas às peças de teatro, enfim... um vasto mundo para leituras que desperta o imaginário, as fantasias, os ideais... nossa, quanta inspiração!

Meninos e meninas, jovens de todas as escolas e regiões, crianças desde as mais pequeninas em busca de livros, visitam o tão nobre e esplendoroso salão. E para todas as dúvidas, curiosidades e explicações, está lá no centro do grande salão, A Senhora dos livros, para com muito carinho, amor e atenção tirar as dúvidas e dar todas as explicações.

Ela, toda poética, colorida, comunicativa, bela e receptiva, dialoga bem com as crianças, jovens e até adultos que gostam e procuram livros para com a leitura e a escrita realizarem seus gostos e atitudes, viajarem pelo mundo das lendas, das fábulas e da imaginação, pois ali naquele salão com tanta leitura, só dá mesmo é muita diversão.

 

[Os visitantes passeiam pelo salão, olham, apanham livros das estantes, do chão, das mesas, todos com ar de curiosidade e encanto enquanto a Senhora dos livros faz gestos de acolhida a todos]

 

ANA MEL

(Entra no salão. Admirada)

Olá, nossa! Quanta novidade aqui! Quero ler todos...

 

LÉO

(Emocionado e feliz)

Aqui é meu lugar preferido. De tudo tem pra se ler e estudar, é um acervo de obras literárias, é um encanto de lugar!

 

DONA QUITÉRIA

(bem-humorada orientado as crianças)

Vejam crianças, como é magnífico tudo isso! Livros pra todos os gostos, muita arte e muita leitura e pra qualquer esclarecimento temos a Senhora dos livros, um encanto de pessoa.

 

SENHORA DOS LIVROS

(Educada e poética, bem-humorada e com tom suave e em versos-cantantes, se manifesta para as crianças)

Bom dia crianças, meus amores,

Sejam todas bem-vindas a este nobre Salão dos livros

Nele tem obras de vários e maravilhosos autores.

Eu sou a Senhora dos livros, e estou aqui para ajudá-los.

Vejo que querem algo e eu estou aqui para orientá-los.

 

ANA MEL

(Comovida e emocionada)

Oh, minha Senhora, Oh Senhora dos livros,

Eu sou Ana Mel,

Encanto-me com este lugar,

Quero ler poemas e contos

Só pra me emocionar.

E este é meu amiguinho Léo

Que também gosta de contos e historinhas

Para se animar.

 

SENHORA DOS LIVROS

Muito me agrada vossa presença

Menino Léo, aqui neste salão

Tem tudo que você quiser,

Só basta ler com atenção.

 

LÉO

Gosto dos contos e das crônicas,

Leio com muita atenção,

Pois quero ser escritor,

E produzir textos com dedicação.

 

ANA MEL

Vem Juan, veja! Vem Bento aqui tem o que vocês gostam de ler.

 

BENTO

Os versos que falam de animais, aves e plantas, de todos eu quero ler.

 

JUAN

E a Senhora dos Livros! Nossa que pessoa mais encantadora!

 

DONA QUITÉRIA

Vejam meninos as revistas em quadrinhos, os textos infanto-juvenis, a Senhora dos Livros pode até dá dicas de dissertação, artigos e redações para fazer na escola.

 

SENHORA DOS LIVROS

Amados, cada produção precisa de uma introdução, de desenvolvimento e conclusão. Um título do seu agrado com uma temática bem escrita e contextualizada. Precisa ter gosto pela leitura, pois só lendo bem, pode-se produzir bem e de forma apropriada.

 

MARIA FLORA

Ó Senhora dos livros, e as poesias, daquelas bem rimadas? Os versos são a minha paixão!

 

SENHORA DOS LIVROS

Cada rima é produzida por palavras com terminações bem combinadas. Tem os sonetos, os indrisos, os triolés, os rondeis, e mais outras formas onde encontramos as rimas.

 

NARRADOR

(Em tom suave)

Cada criança e cada jovem que frequenta o Salão dos Livros volta para casa mais e mais motivado e feliz. Os adultos como dona Quitéria eu é mãe e professora sempre e sempre vem ao salão com suas crianças. Ana Mel sempre bem-humorada e feliz anima as outras crianças a visitarem o salão. O menino Léo desde que atendeu o primeiro convite, nunca mais deixou de visita-lo e Maria Flora, Bento e Juan tornaram-se adeptos da leitura.

 

ANA MEL

Vejo que é gratificante demais virmos sempre aqui, visitarmos este belo salão, conhecermos as obras, tantos e tantos livros que nos incentivam à leitura. Sem falar na Senhora dos Livros, uma mulher genial, uma formosura.

 

LÉO

Precisamos valorizar mais e mais este salão com todo o seu acervo que aqui se encontra, que cada criança e jovem nunca fique sem livros, que a educação, a cultura sejam prioridade a todos e todas por meio do estudo, da leitura, da pesquisa e seja por isso, este salão sempre visitado.

 

SENHORA DOS LIVROS

(levanta-se de seu trono e profere um breve discurso)

Amadas crianças,

Estimados jovens e demais adultos, amigos e familiares,

Sintam-se acolhidos neste salão, que cada livro, cada obra seja por vós contemplada,

Zelai, pois, por este valoroso espaço, visitai-o sempre, e a cultura, o saber e o conhecimento os contemplarão.

TODOS

Seremos eternos leitores,

Valorizemos com dedicação este nobre salão,

Ó Senhora dos Livros,

És nossa educadora, professora, motivadora,

Por vós temos plena gratidão.

 

[Todos reverenciam o público e fecham-se as cortinas]

 

 

FIM

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Aos Pais

Aos pais que tanto amam os filhos:
Um abraço fraterno,
Aquele aperto de mão em agradecimento,
Um dia dos Pais para lhes reverenciar,
A garantia de um aconchegante lar, companhias e lindas histórias para vivenciar,
Belos poemas a lhes louvar,
Belas e alegres festas a lhes homenagear,
Aos Pais ;
Toda honra e homenagens,
Todos os gestos de agradecimentos a lhes manifestar.
A todos os pais nossa acolhida, nossos abraços, nosso carinho, nossa prova de amor a lhes agraciar.

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Jogral em homenagem aos estudantes

LEITOR 1. Nesta data tão especial, estudantes do Brasil comemoram com alegria o mais belo ofício, o de ser estudante, viver em busca do conhecimento.

Leitor 2. Esta é uma bela e significativa data, 11 de agosto. Nesta data comemoramos o nosso dia.

LEITOR 3. Todos nós estudantes que nos dedicamos aos estudos, hoje nos confraternizamos neste dia.

LEITOR 4. Os motivos são vários; conquistamos o conhecimento, vivemos em busca do saber.

LEITOR 1. Nesta data tão especial, estudantes do Brasil comemoram com alegria o mais belo ofício, o de ser estudante, viver em busca do conhecimento.

TODOS: Somos estudantes, com alegria e interesse de aprender. A formação e o preparo para a vida buscamos sempre e sempre promover.

LEITOR 2. A data de 11 de agosto como o dia do estudante foi sugerida em 1927 em homenagem aos 100 anos de fundação dos dois primeiros cursos de ciências jurídicas do país em 11 de agosto de 1827 por D. Pedro I.

LEITOR 3. Daí em diante os estudantes continuaram e continuam por meio dos estudos a aperfeiçoarem-se nas diversas profissões.

LEITOR 4. A disciplina, a escrita, a leitura e a reflexão, a pesquisa com empenho e organização nos impulsionam a aprender mais e mais.

LEITOR 1. Nesta data tão especial, estudantes do Brasil comemoram com alegria o mais belo ofício, o de ser estudante, viver em busca do conhecimento.

TODOS: Somos estudantes, com alegria e interesse de aprender. A formação e o preparo para a vida buscamos sempre e sempre promover.

LEITOR 5. Presemos pelos nossos estudos, pelos projetos e pesquisas que nos proporcionam aprendizagem. Presemos pela formação que nos dá dignidade e nos levam à realização.

LEITOR 6: Foi também em 11 de agosto de 1937 que se realizou a criação da União Nacional dos estudantes com o objetivo de representar os estudantes de diversas categorias. Por isso temos esta data como de especial importância na nossa caminhada estudantil.

TODOS: Somos estudantes, com alegria e interesse de aprender. A formação e o preparo para a vida buscamos sempre e sempre promover.

LEITOR 1. Nesta data tão especial, estudantes do Brasil comemoram com alegria o mais belo ofício, o de ser estudante, viver em busca do conhecimento.

TODOS

Somos estudantes, somos sonhadores,

Queremos sempre e sempre conquistar o conhecimento.

Queremos formação e profissionalismo;

Somos estudantes, eternos pesquisadores.

No estudo aprimoramos a nossa vocação

Viver com cidadania, dignidade e segurança é a nossa missão.

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

 

 

Saiba mais…

Família, fonte de amor

Família, berço sagrado de pais e filhos,

Unidade de corações entrelaçados,

Fonte do amor paterno e materno,

Aconchego de ternura dos filhos amados.

Família, base da vida

Santuário de seres sagrados,

Onde o trabalho, o pão, o carinho...

São recursos indispensáveis

A todos que nela estão abraçados.

Família, recanto das crianças, jardim dos bebês,

Lugar abençoado de seres tão puros e agraciados.

Família, que em cada lar está a habitar,

O compromisso com a vida, o amor e os sonhos conduzem à felicidade,

Pois é a partir da família que o mundo recebe lições de amor, união e extrema bondade.

 

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

As rosas

Dentre as flores, as rosas são um encanto!

Além de serem de espécies variadas

Tem belas e inúmeras cores,

Tem forte perfume,

Tem belezas de encantar!

Servem até de ramalhetes para se presentear.

Elas se encontram em bosques e jardins colorindo o ambiente.

São rosas amarelas, azuis, brancas, roxas... todas belas e encantadas,

Porém, dentre todas a que mais se destaca

É aquela bem suave, meiga e perfumada,

É a rosa  cor de rosa, a rosa rosada.

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Comemoração de natal (JOGRAL)

Leitor 1: O natal chegou, e as luzes divinas iluminam os corações.

 

Leitor 2: José e Maria em uma gruta de Belém, e na manjedoura o menino Jesus a nascer.

 

Leitor 3: Os três reis magos seguem a estrela de Belém até o menino Jesus encontrarem.

 

Leitor 4: 25 de dezembro, natal, nesta data nasceu Jesus, o filho de Deus, o Salvador.

 

Leitor 1: O natal chegou, e as luzes divinas iluminam os corações.

 

TODOS: Glória, glória e glória a Deus nas alturas e paz na terra a quem Ele tem apreço.

 

Leitor 1: Ouro, incenso e mirra, oh que belos presentes dados a Jesus!

 

Leitor 2: Foram Belchior, Baltazar e Gaspar, com esses belos presentes a Jesus agradar!

 

Leitor 3: Jesus, uma linda criança cheia de amor vem a nos ensinar a acolher, a perdoar e a caridade a praticar.

 

Leitor 4: Por isso o natal é tempo de luz, tempo de paz e graças na vida a se realizar.

 

Leitor 1: O natal chegou, e as luzes divinas iluminam os corações.

 

TODOS: Glória, glória e glória a Deus nas alturas e paz na terra a quem Ele tem apreço.

 

Leitor 1: É tempo também de conversão, de compromisso de amor com o próximo, de justiça e de esperança a se testemunhar.

 

Leitor 2: Que a estrela de Belém que guiou os magos até Jesus nos leve a Jesus também.

 

Leitor 3: Que o menino Jesus seja a estrela a brilhar em nossos corações e a iluminar nossos caminhos.

 

Leitor 4: Que neste natal tenhamos o encontro com o Salvador, Jesus nosso Senhor.

 

Leitor 1: O natal chegou, e as luzes divinas iluminam os corações.

 

TODOS: Glória, glória e glória a Deus nas alturas e paz na terra a quem Ele tem apreço.

 

Leitor 1: O natal chegou, e as luzes divinas iluminam os corações.

 

TODOS:

 

J esus Cristo é nosso irmão

E o mestre da paz e do Evangelho.

S enhor da vida, nossa feliz salvação.

Ú nico messias e companheiro fiel

S ímples, humilde e divino.

 

 

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí – PI - Brasil

Saiba mais…

Jogral em homenagem aos pais

1 – Todos os pais são seres sagrados.

       Por isso são homenageados.

 

2 – Eles são acolhedores, amigos e cordiais com seus filhos.

3 – Eles são senhores dos lares, construtores das famílias e protetores das crianças.

4 – Eles são inspirados de amores e sonhos que nos motivam a viver.

 

1 – Todos os pais são seres sagrados.

       Por isso são homenageados.

 

5 – Os pais são os grandes mestres da vida. Com seus conselhos eles norteiam o nosso   caminhar.

6 – Os pais são os heróis da história. Eles sonham, trabalham e lutam pela nossa saúde, segurança e nossa educação.

7 – Os pais são eternos, pois sempre viveremos guiados pelos seus ensinamentos, alimentados por seus afetos e abençoados por suas orações.

 

1 – Todos os pais são seres sagrados.

      Por isso são homenageados.

 

2 – Juntamente com nossas mães, eles nos educam para a vida.

3 – Eles nos ensinam a obediência e as boas ações.

4 – São eles que nos contam as primeiras histórias e nos ensinam as primeiras brincadeiras.

 

1 - Todos os pais são seres sagrados.

      Por isso são homenageados.

 

5 – Queridos pais, como são inumeráveis vossos méritos!

6 – Queridos pais, como são belos vosso exemplos!

7 – Queridos pais, a vós somos gratos eternamente.

 

TODOS:

 

P rotetores e construtores dos lares

A migos e companheiros dos filhos

I lustres homens da história das famílias.

S ábios e mestres a nos abençoarem.

 

 Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Ciranda das Poesias

Elas são artes divinas,

Expressas nos escritos dos poetas inspirados.

Escritos movidos de sentimentos e ideais,

De amores e sonhos compartilhados.

Se manifestam de várias formas a nos encantar:

No soneto, no rondel, no indriso, no pantun, na tanka, na trova e no cordel.

Em versos com rimas, no poema livre e diversas outras formas,

E vem fazendo ciranda embaladas por versos e estrofes escritos no papel.

E assim realizam sua ciranda cheia de belezas a nos encantar,

Oh ciranda das poesias, de todas tu és a mais bela,

Quero em ti cirandar,

És toda rimada e poética, digna de se admirar!

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

 

 

Saiba mais…

Ciranda da Terra

Ela é esférica a circular no universo imenso,
O Sol é o seu foco para um giro permanente,
Em seu eixo a rotação a realizar-se plenamente.
Em meio a outros astros ela faz a translação num espaço extenso.
É a Terra, nosso lar, nossa casa, nosso chão num balé magistral a dançar intensamente.
Ela recebe a luz do sol,
Recebe também o brilho das estrelas,
O azul dos mares e o verde das matas realçam sua beleza que é comovente,
E, assim, a Terra a fazer sua ciranda eternamente

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Ciranda das orquideas

Perfumadas, coloridas e belas,

De várias formas e tamanhos a encantarem

A natureza, os beija-flores, as borboletas...

São as orquídeas, belas flores dos jardins a se manifestarem.

Orquídeas a dançarem com o soprar dos ventos

Em ritual sagrado a bailarem,

E a destilarem seus aromas feito incensos

E beleza a expressarem numa harmonia sem fim.

Elas são brancas, azuis, amarelas, rosas, enfim...

Nesta ciranda a espalharem pureza e aromas diversos

E embriagando-nos nesta ciranda

Inspira-nos a contemplá-las com poemas e versos.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Ciranda das borboletas

Borboletas, várias borboletas
Azuis, pretas, marrons,
De várias cores, espécies, tamanhos, enfim,
Que voam e voam
Pousam nos galhos das árvores
E também nas flores dos jardins.
No espaço batem suas asas
Ora voam para cima, ora para baixo
E em círculos a se movimentarem,
São as borboletas em sua ciranda
Enfeitando a natureza e encantando nossos olhares.

 

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Jogral em homenagem às Mães

JOGRAL EM HOMENAGEM ÀS MÃES

 

Leitor 1 - Esta é uma data muito especial,

O dia amanheceu mais alegre,

As mães estão em festa.

 

Leitor 2 - Sim, hoje comemoramos o grande dia, o dia das mães.

 

Leitor 3 – Mesmo que todos os dias sejam delas, esta é uma data que nos confraternizemos com todas as nossas mães.

Leitor 4 – Abraços, flores, poemas, cânticos... de todas as formas nos manifestemos.

 

TODOS – Queridas mães, felizes sejais por este grande dia.

 

Leitor 2 – Como é gratificante as mães terem uma data em sua homenagem!

Leitor 3 – O segundo domingo de maio é um dia abençoado, sagrado e divino por ser especialmente dedicado às mães.

Leitor 4 – Todos os anos esta data é festejada com amor e dedicação.

 

1 - Esta é uma data muito especial,

O dia amanheceu mais alegre,

As mães estão em festa.

 

TODOS – Queridas mães, felizes sejais por este grande dia.

 

 

 

Leitor 5 – Todas as crianças e bebês, hoje estão em plena paz e as manifestações de carinho e amor pelas mães só aumentam.

Leitor 6 – Todas as flores dos jardins, estão em festa neste dia do ano em homenagem a elas!

Leitor 7 – Os passarinhos estão a cantarem nos arvoredos em louvor às nossas mães.

 

TODOS – Queridas mães, felizes sejais por este grande dia.

 

Leitor 5 – Nesta data recebam de nós vossos filhos os nossos abraços.

 

Leitor 6 – Nesta data recebam de nós vossos filhos nossas manifestações de amor.

 

Leitor 7 - Nesta data recebam de nós vossos filhos nossas homenagens, nossos presentes, nossa simplicidade.

 

TODOS – Queridas mães felizes sejais neste grande dia.

 

Leitor 1 – Esta é uma data especial,

O dia amanheceu mais alegre,

As mães estão em festa.

 

TODOS

            Mulheres, seres de muito amor

   De mÃos sagradas e acolhedoras

             Eternas companheiras dos filhos

             Singelas e meigas, oh mães cheias de esplendor.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Saiba mais…

Ciranda dos girassóis

Flores amarelas, de pétalas e aromas contagiantes

Todas à luz do dia numa eterna sintonia

Reverenciam o sol, a estrela radiante.

Amarelas da cor do sol,

Até o formato de suas pétalas

Espalham-se como os raios solares do sol

Numa beleza rara e marcante.

Elas fazem sua ciranda nos jardins,

Fazem também nos campos, nos bosques...

Giram para o sol a cada hora

Manifestando seus encantos.

Girassóis, flores dos campos,

Flores dos jardins a embelezarem nossos lares

Cuja presença é força e energia,

A simbologia é altivez e felicidade,

Vem nessa ciranda a transmitir-nos harmonia e vivacidade.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Terra, divina Terra

Terra, divina Terra

Altar da vida

Mosaico de riquezas naturais

Casa dos viventes tão sagrada!

Nobre espaço de ares, solos, minerais...

Do teu ventre nutrem-se as sementes,

Que crescem e produzem o pão,

Do teu subsolo, as águas que saciam a sede

E do universo o sol a te iluminar

Contagiando-te de beleza e admiração.

Teus mares são belos,

Teus animais, encantos da criação,

Tuas matas e florestas purificam nossos ares e nos trazem conforto e gratidão

A ti devemos todo zelo e cuidado, oh Terra

Nossa grande pátria Mãe.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Chuva que rega as plantas

 Ela vem anunciada por um arco-íris

Que pelos viventes da natureza é recebida

E vem com seu afago de candura embebida

Numa serena manhã de outono, é o que vemos!

 

Vem a regar as plantas do meu jardim

E a nutrir a seiva e a alimentar suas células

Os orvalhos da manhã há tempo já a esperam

E o carvalho num tocar de suas gotas a se entreter.

 

Que venha a chuva, bálsamo que nutre nossas terras,

Chuva a regar nosso chão,

Vem a fortalecer as raízes das plantas

E toda a sua composição.

 

Plantas regadas pela chuva e pela luz solar

faz produzir nas folhas a clorofila

E dela a cor verde para nossa contemplação,

E das flores trazem fragrância e beleza para nossa admiração.

 

E depois que se desenvolvem com a força da chuva

As flores em suas pétalas a semente a nascer e fecundar

E o fruto a brotar e assim a natureza do jardim

Da forma mais singela a se completar!

Francisco Martins silva

Uruçuí-PI-Brasil

 

Saiba mais…

Primavera

Tempo de flores, muitas flores,

De belezas e contrastes diversos,

É na primavera, a estação dos amores.

Das pétalas, os aromas e cores

Contagiam os jardins inspirando versos

Desde suas plantas e os beija-flores.

Primavera, estação das flores e do amor.

Primavera, natureza serena, colorida e cheia de esplendor.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…

Manifesto de Paz

Ideais, sonhos e planos,

Orações, preces e cantos,

É o amor a manifestar-se com todas as forças em prol da Paz.

Todos de mãos dadas,

Unidos em comunhão na ciranda da Paz.

Todos os recursos plausíveis utilizados

Com insistência para que haja Paz.

A fé no Deus da Vida a quem temos enorme gratidão.

A fé na força e nos talentos de cada um unidos em mutirão.

A esperança, sempre e sempre cultivada.

O amor, o maior ingrediente nesta jornada salutar

Nos leva à união.

O respeito e acolhida às culturas, belo processo de inclusão.

Todos atentos aos mais frágeis e necessitados,

A solidariedade sempre bem lembrada e cultivada.

Abraços nos encontros e reencontros sempre terão.

Perdões, milhões de perdões aceitos.

Apertos de mãos a cada momento preciso.

A verdade e a justiça resistem e resistirão

Até não sobrar nem um pouco de motivo para e guerra,

E o ódio, este ficará no esquecimento.

Ideais, sonhos e planos,

Orações, preces e cantos,

É o amor a manifestar-se com todas as forças em prol da Paz.

Francisco Martins Silva

Uruçuí - PI - Brasil

Saiba mais…

Cantando a terra

Dentro da terra

No meio deste mundo,

A cada volta dada por esta esfera universal

Onde as transformações da crosta são profundas,

Sentimos no ar como o vapor de alguma substância:

A fumaça, a poluição,

Onde para um órgão dos sentidos, o de olfação, é insuportável,

Sendo responsável por isso, um indivíduo

Que para os outros parece o mais sábio.

Francisco Martins Silva

Uruçuí-PI-Brasil

Saiba mais…
CPP