Minhas Atividade

Gabriel Souza agora é amigo de Tânia M de J B de Melo e Marsoalex
Set 22
Gabriel Souza promoveu o perfil de Gabriel Souza
Fev 17
Gabriel Souza agora é amigo de Edith Lobato, Nieves Merino Guerra, ZKFeliz e mais 4
Adm
Fev 17
Gabriel Souza compartilhou um perfil em Facebook
4 de Dez de 2016
Bilhetes Poéticos

Te amo
em versos
em cada estrofe,
amo-te
em rimas
nas linhas ,
da minha
poesia.

Gabriel Souza
Gabriel Souza agora é membro de Casa dos Poetas e da Poesia
28 de Nov de 2016

Comentarios

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.

Sobre Mim

Aniversário:

Setembro 22


1) Qual seu nome completo?

Gabriel Souza


2) Sexo?

Masculino


3) Data de nascimento

22/09/1989


4) Local de residência (apenas Cidade / Estado / País)

Poços de Caldas - Minas Gerais


5) Mini Currículo (trabalho, experiências, gostos e ou preferências, família, produção poético-literária...).

Escritor,Poeta,Compositor,Músico,blogueiro e nerd. Tenho publicado 10 obras http://gabrielsouzapoeta.blogspot.com.br/


6) Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Veraiz Aparecida dos Santos Souza


7) INSIRA uma Foto (que mostre Você) em Teu Perfil para rápida aprovação

sim


8) Concorda que as poesias eróticas (caso as poste), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

sim


9) Concorda em interagir conforme possa, com os demais membros participando e interagindo das atividades da Casa?

sim


10) Concorda em NÃO POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

sim


11) Deixe o Link do Facebook ou Recanto das Letras (caso tenha) *Não coloque o "http"

http://https://www.facebook.com/gsouzapoeta/


12) Publique neste espaço, um ou até dois textos de tua autoria. (não precisam ser extensos)

Soneto do Desencanto Meu verso hoje é de saudade é lembrança amarga dorida, é pétala doce ferida é dos lábios o gosto acre. Meu verso é ferida d'alma é cântico de sofrimento, é do amor o desalento do poeta que inda chora. E nesses versos de solidão de dor e desencanto no peito um coração, se rasga em pranto, recordando a desilusão por ter se apaixonado. Gabriel Souza Poema da rosa 2 Em versos carícias componho Ternura de beijos na estação florida, Singelos desejos a ti proponho Se tu fores minha flor querida. Beijar-te-ei com doçura E com zelo acaríciarei, Sua face qual formosura Q'um dia em sonho contemplei. Meus versos serão beijos Em noites silentes Orvalhadas, Um poema retratado em desejos A ti somente minha amada. Gabriel Souza


Minhas Fotos

CPP