Posts de Israel Batista (178)

FELIZ ANIVERSÁRIO 22 de Fevereiro

 
 
 
Vinte e dois de fevereiro
É dia de comemorar
Os aniversariante do dia
Vou nesse poema falar
Preste muita atenção
Se seu nome estar
 
Katia Rodrigues hoje
Ta comemorando
O seu aniversário feliz
Muita paz vais acumulando
Meus parabéns minha prima
Vou aqui lhe ofertando
 
Juraci Soares é outra
Que venho lhe ofertar
Um parabéns bem feliz
Que Deus possa abençoar
E a saúde lhe acompanhe
Até seu dia então findar
 
A prima Sandra Sousa
Ta hoje festejando
Pois mais um ano de vida
Ela ta completando
Tenha muita paz no seu viver
É o que vou desejando
 
Ilvan Mendes te desejo
Muita paz e felicidade
Que Jesus te abençoe
Dando-lhe prosperidade
Jamais se desespere
Pois tens a sinceridade
 
Sónia Climenia meus parabéns
Venho agora lhe ofertar
Que Jesus Cristo nosso irmão
Possa muito te abençoar
Receba os meus parabéns
Nesse dia rico e sem par.
 
Eu o Israel Batista de Sousa
A todos vim parabenizar
No dia de seu nascimento
Mas também tenho que falar
Hoje também e o meu
vamos todos comemorar.
 
Israel Batista
 
*Estendo meus parabéns aos outros que não foram citados nesse poema.
Saiba mais…

QUANTAS SAUDADES EU SINTO DA BANQUINHA DO GILBERTO

 Vou falar nesse cordel

De um amigo de verdade

Que na realidade

Ele não é um menestrel

Mas cumpre o seu papel

E é bastante esperto

Digno e bem correto

Sempre foi bem distinto

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

Na calçada de João Pimpim

Onde tudo começou

Muito tempo então passou

Mas ele não achava ruim

Até que chegou o fim

Que ficou tudo bem certo

Ganhou um local coberto

Construído todo de zinco

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

Lá onde os amigos se encontrava

Para poder se descontrair

A gente nem queria de lá sair

Pois de tudo se comentava

E o Gilberto se empolgava

Eu sempre tava lá por perto

E de segunda a domingo aberto

É verdade eu não minto

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

Lá ele vendia revista

E livros usados também

Eu a ele quero muito bem

Vendia fiado e a vista

Mas na data prevista

Era um dinheiro certo

E eu que sempre acerto

Falo desse jovem distinto

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

E ele muito educado

A todos cumprimentando

E o dia vai passando

E ele ali bem focado

Tendo amigos do seu lado

Mostrando seu lado correto

O tempo passou decerto

Hoje não o vejo no recinto

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

Hoje ele esta em casa

Cuidando de sua irmã

Que ele é muito fã

E com isso o tempo passa

A saudade me extravasa

E o lugar fechado e deserto

Ninguém sabe ao certo

Se ele ainda volta ao recinto

QUANTAS SAUDADES EU SINTO

DA BANQUINHA DO GILBERTO

 

Israel Batista

Saiba mais…

ACRÓSTICO NORDESTINO

Nasci nessa região

Onde me sinto feliz

Realmente eu refiz

De toda minha emoção

Encravei nesse chão

Sentimentos de amor

Tenho no peito a dor

Insistente a doer

Não quero mais sofrer

Onde quer que eu for


Israel Batista

Saiba mais…

PARABÉNS A MINHA IRMÃ

Hoje tiro um momento
Para parabenizar
Solange sousa Tenório
Nesse momento sem par
Ela é a minha unica irmã
Não podia deixar de falar
 
quinze de fevereiro o dia
Não posso agora esquecer
Que Deus o cubra de bênçãos
E te der muito amor e prazer
E teus anos se multiplique
Com paz e saúde no seu viver.
 
Israel Batista
Saiba mais…

OS SETES MENESTRÉIS DA POESIA VARZEALEGRENSE

 


Como eu queria fazer parte
Das sete maravilhas da poesia
Mas como Deus não deu essa alegria
Eu vou curtindo essa arte
E uso como descarte
O meu pobre fraco poema
Escrevo sem nenhum dilema
Para aliviar a dor
Pois escrevendo tenho amor
E me afasta todo problema

Bidinho é o primeiro da lista
Que agora vou relatar
Como ele não haverá
Foi um grandioso artista
Um cidadão altruísta
Que na Várzea Alegre ajudou
Muitos anos palmilhou
Nessa arte inspirativa
Teve aplausos do Patativa
Que também lhe admirou

Zé Gonçalves foi violeiro
Na viola respeitado
Pegou fama em outro estado
Mas daqui foi o primeiro
Se dedicou por inteiro
Na rádio Borborema
Cantava sem problema
A dor do sertanejo
A alegria e os festejos
Da Várzea levou o emblema

Miguel Alves de Lima
Um poeta respeitado
Sem estudo coitado
Mas era de muita estima
Fazia uma boa rima
Como de sábio doutor
Transbordava em amor
Como era gostoso ler
As poesias que veio escrever
Na sua vida de agricultor

Joaquim José de Oliveira
Seu Quinco que estou falando
Sempre ficava glosando
Em casa ou na feira
Não era brincadeira
Os versos que ele fazia
Dos campos verdes trazia
O cheiro bom que alegrava
A nossa vida que chorava
Pelas mágoas que sentia

Do soneto é o tal
Como ele não tem
Consegue muito bem
O seu intuito final
O sinésio Cabral
Nessa arte é o primeiro
Nos seus versos verdadeiros
Consegue nos encantar
Por isso venho exaltar 
Esse poeta pioneiro

Na poesia sertaneja
No papel escrito
Digo e muito acredito
Um aqui bem verseja
É a Várzea Alegre enseja
Por esse dom divinal
O Raimundinho Piau
Ninguém quer que se cale
É o nosso Mundim do Vale
Um poeta sem igual

Na área do cordel
Temos nosso representante
Nessa arte empolgante
Que é doce como o mel
Nos afasta todo o fel
Desse viver amargurado
Pois ele escreve com cuidado
O nosso Sávio Pinheiro
Um poeta verdadeiro
E por todos respeitado

Esses sete na minha opinião
São os maiores poetas da cidade
Falo com muita sinceridade
Sobre o que penso na questão
Pois cada um tem sua razão
E podem achar que tou errado
Mas fica meio complicado
Pois cada um tem sua lista
E Várzea Alegre tem muito artista
Que se tem se destacado


Israel Batista
 
*Várzea Alegre é um cidade do Ceará, terra onde eu nasci
Saiba mais…

EU AMO

Eu amo incondicionalmente
Eu amo pois nasci para amar
Eu amo a minha vida
Eu amo o seu jeito de amar
Eu amo teu sorriso lindo
Eu amo a sua maneira de olhar
Eu amo a tua felicidade no rosto
Eu amo tudo que você me diz
Eu amo, puxa como eu amo!
Eu amo amar você
Eu amo tudo na vida
Eu amo essa vida sofrida
Eu amo tudo que lembra você
Eu amo sonhar contigo
De tudo nessa vida
Que aprendi e não posso negar
E que descobri e posso afirmar
Eu amo você somente você.

Israel Batista

Saiba mais…

A VIDA

A vida da gente é muito complexa A gente não pode voltar ao passado E não sabe o que virá no futuro E o presente é o que vivemos agora Unicamente sendo que a cada segundo
Saiba mais…

PASSARADA

Fico muito encantado
Com o canto do bem-te-vi
E me fascina muitíssimo
A velocidade do colibri
E não me canso de escutar
O canto mavioso da juriti

É lindo o amanhecer
No meu sertão
Ouvindo a passarada
Nos dar muita emoção
Os cantores da mata silvestre
Podem está em extinção

Canta, canta passarinho
O teu canto vem mostrar
Que a vida é tão bela
E nos faz então sonhar
Que o teu canto é a esperança
De o mundo vim a mudar


Israel Batista

Saiba mais…
CPP