Minhas Atividade

Luly Diniz commented on Marsoalex's blog post A FORÇA DO AMOR
""
Domingo
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post FELIZ ANIVERSÁRIO LUIZA MENIN MANFREDI!
""
Jul 13
Luly Diniz replied to Edith Lobato's discussion II Oficina de poema que não tem fim - CPP in Poema que não tem fim
"Ele é meu tudo...
Confiante de, com ele aprender a amar, Ao seu lado sigo sem medo de sofrer; Colho rosas sem temer me machucar. Com ele sinto um enorme prazer em viver
Apreciamos cada momento com intensidade, Pois cada tempo juntos é algo mais que…"
Jul 13
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post FELIZ ANIVERSÁRIO LUIZA MENIN MANFREDI!
""
Jul 12
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post PARABÉNS JULLIANO GUERRERO!
""
Jul 12
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post PARABÉNS JULLIANO GUERRERO!
"PARABÉNS PARA VOCÊ NESTA DATA QUERIDA, FELICIDADES MIL!!!
ABRAÇOSSSSSSSSSSSS.................
Luly :)
 "
Jul 7
Luly Diniz replied to Luly Diniz's discussion CLAMOR... in TemaPoesia
"Obrigada Angel pelo seu comentário vibrante, me inspira a continuar......
Beijinhos com minha gratidão,
Luly"
Jul 5
Luly Diniz replied to Luly Diniz's discussion CLAMOR... in TemaPoesia
"Obrigada Edith, muito bom ter seu comentário.
Boa noite, beijos de luz na sua alma,
Luly"
Jul 5
Luly Diniz replied to Luly Diniz's discussion CLAMOR... in TemaPoesia
"Obrigada Nina, bjos.
Luly"
Jul 5
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post PARABÉNS POETISAS NIEVES E SANDRA!
"FELICIDADES.........."
Jul 5
Luly Diniz posted a discussion in TemaPoesia
Clamo aos ventos teu nome, tuas quimeras Ao lembrar-me do breu dos teus olhos A sorrir; quase a falar com brisa das manhãs Primaveris sobre teus apaixonados sonhos Onde me encontro entre tuas manhas; Oferecida, suplicante; arrebatada!Quão doce é t…
Jun 22
Luly Diniz commented on Luly Diniz's blog post O MOSTRO SEM ROSTO
"Obrigada por comentar, boa noite!!!
Luly"
Jun 12
Luly Diniz commented on Luly Diniz's blog post O MOSTRO SEM ROSTO
"Obrigada por ler e comentar, penso que não seja a linha de texto que se escrevem aqui na sua casa....
Bom dia, feliz e abençoado domingo, bjs,
Luly
OBS: Agradeço o destaque."
Jun 10
Luly Diniz commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post PARABÉNS EVERALDO MAGALHÃES!
""
Jun 8
Mais…

Meu Blog

Comentarios

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.

Sobre Mim

Aniversário:

Fevereiro 17


1) Qual o teu nome completo?

Maria de Lourdes Lopes Diniz


3) Data de nascimento (não é necessário o ano)

17/02


4) Local de residência (apenas Cidade, Estado e País)

PIEDADE-Jaboatão dos Guararapes - Brasil - Pernambuco


5) Mini Currículo (trabalho, experiências, gostos e ou preferências, família, produção poético-literária...).

Sou odontóloga, Professora de Ed. Física, três filhos, gosto de escrever, mas não me intitulo poetisa.


6) Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Paolo Lim


8) Concorda que as poesias eróticas (caso as poste), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

Sim


9) Concorda em interagir conforme possa, com os demais membros participando e interagindo das atividades da Casa?

Sim


11) Deixe o Link do Facebook, Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://facebook.com/luly.diniz


12) Publique neste espaço, uma Poesia ou texto de tua autoria. (não precisa ser extensa/o)

É que insensatamente me perdi no seu olhar Fiz do seu coração minha moradia meu mundo Das suas palavras escrevi vários poemas Na essência do seu ser encontrei a paz sonhada Na luz da tua alma entreguei a minha Venci os medos e a ti entreguei meu amor Mas... As flores que floriam o jardim no meu Coração deixou de ser regada... Adubada! E tudo que pensei ter se foi como um rio Que corre para o mar querendo se afogar Assim, a lua hoje não é a mesma me faz chorar... Minhas lágrimas secaram meu poema morreu! Luly Diniz. 30/05/14. Se sentir saudade fosse bom, Não queimava dentro do peito... As lágrimas não seriam salgadas... Seriam doces como o favo do mel. A saudade já fez suas vítimas (matou!)... Escravos morreram de banzo (SAUDADE) Sentindo falta da sua terra natal... [esqueceram... Está nos livros de história]. Então a saudade mata sim... Saudade é pior que veneno de cobra, Pois este tem seu antídoto... A saudade chega rasga o coração Estilhaça a alma se transtorna em lágrimas... Saudade é palavra de poeta que esconde sua dor Descrevendo a saudade mesmo morrendo de amargor... Luly Diniz. 27/05/14.


Grupos que participo

Minhas Discussões

CLAMOR...

Clamo aos ventos teu nome, tuas quimeras Ao lembrar-me do breu dos teus olhos A sorrir; quase a falar com brisa das manhãs Primaveris sobre teus apaixonados sonhos Onde me encontro entre tuas manhas; Oferecida, suplicante; arrebatada! Quão doce é…

Saiba mais…

UMA VIDA A CAMINHO.

  UMA VIDA A CAMINHO. Um intenso amor está se fazendo vida! Está sendo aperfeiçoado pela força e poder do amor De duas vidas, semente germinada pela paixão, gerada Na graça e benevolência de Deus. Estão grávidos, é assim que deve ser…

Saiba mais…

NÃO TEMOS MAIS UM BEIJO PROLONGADO

NÃO TEMOS MAIS UM BEIJO PROLONGADO... Foi-se o tempo em que a noite eu te esperava Sentava à beira da janela deslumbrada com a beleza Da noite com os olhos vigiando a rua alumiada por Antigos lampiões a gás, faziam sombras fantasmagóricas Nas…

Saiba mais…

E O POETA CHOROU SEU LIRISMO

...Penso e relembro tudo que tivemos.Vi teus olhos voltados só para mim, tuas mãos a procurar minha pele macia, tuas narinas ofegar ao sentir meu cheiro, e tua boca salivar molhando minhas curvas tão tuas, no entanto hoje vejo teus olhos vagando ao…

Saiba mais…

NUA... ARREBATADA DE AMOR

Fugir... Sair de mim, desse corpo Que me faz pecar em horas vãs. Sair destas vestes que me cobrem como trapos pecaminosos cheios de anseio bordados de infinita paixão.   Fugir da dor que avermelha meus olhos, das lágrimas sem sal, dos lábios…

Saiba mais…

ANTES QUE TUDO VIRE PÓ...

Gravastes a ferro e fogo teu amor dentro de mim.O Silêncio aos gritos defendeu nosso amor.De tal maneira criou tempestade no mar morto, estrelas cintilaram intensamente, da lua roubou um suave sorrisoEntre olhares, toques, e sussurros viciantes…

Saiba mais…

O BANCO BRANCO.

O Banco Branco Nessa praça tem um Banco branco. Banco onde se pode ter um romance ilegal, aonde alguém sorriu sem qualquer vontade, onde um bom sujeito subornou um juiz federal, para manter sua fortuna e vaidade.   Um Banco que guarda…

Saiba mais…

Autor em tela

Bate papo CPP

CPP