Posts de Ricardo Nunes de Sales (217)

É BOM TER UMA RAZÃO PARA ACORDAR DE MANHÃ

Acordar...

Uma nova vida começar,

Cada amanhecer é uma incógnita,

É sempre um recomeço,

É sempre um repensar.

 

Acordar...

Sentir o gostinho da vida,

Sentir os raios do sol a tua pele acariciar,

Sentir o coração pulsar,

Sentir a terra em teu respirar.

 

Acordar...

Primeiros pensamentos,

Primeiras orações,

Projetos que podem vingar,

Emoções no teu caminhar.

 

Acordar...

É bom ter uma boa razão para acordar,

Meditar, sincronizar e amar,

Para festejar um abençoado dia,

Por ter Deus como divino guia.

 

Acordar...

Um milagre de todo dia.

 

Ricardo Sales.

21.09.2018.

Saiba mais…

CANTORIA

Tempos passados e longos dias de paz,

Menino travesso brincando na vida,

Nos galhos, trapézios e risadas,

Inocência, a essência da infância,

Que um dia ficou para trás.

 

Os dias não tinham fim,

As noites os sonhos viajavam,

A mercê das magias que explorava,

Meu mundo imaginativo, minha terna herança,

Saudades que apenas ficou nas lembranças.

 

Aos domingos minha missão predileta,

A missa era meu palco de apresentação,

As cantorias me enchiam de alegria,

Eram dias alegres e sagrados,

Sentia pulsar forte meu coração.

 

Sentia-me orgulhoso,

Era um menino levado e vaidoso,

Todos me olhavam e admiravam,

Cantava, um coro me acompanhava,

Dizia que eram cantos mágicos.

 

Achava que abrandava meus inocentes pecados,

São lembranças vivas que mantenho saudável,

Que até hoje passeiam pelo meu inconsciente,

Velhos tempos sem agonias passadas,

Velhos tempos saudosos sem maldades.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

UM VASO, UMA FLOR

 

Você simplesmente partiu,

Não se despediu, ficou o vazio,

Evaporou no calor da vida,

Foi procurar novos horizontes,

Apaixonar novos corações,

Encontrar novos amores,

Viver novas incansáveis emoções.

 

Não sei em que mar foi navegar,

Qual brisa leviana te levou,

Não foi por falta de amor,

Restou apenas um vaso e uma flor,

Teu aroma ainda vive nas minhas lembranças,

Tua única herança, minha esperança,

Tão pouca... tão louca...

 

As músicas que comigo dançou,

Do beijo apaixonado que não vingou,

Da cama que ao meu lado tanto se fartou,

Das frias manhãs que acordou e me beijou,

Colada ao meu corpo que não te poupou,

Hoje a solidão, não tem hora, me devora,

E o meu coração uma alusão a dor.

 

Um vaso, uma Flor,

Foi tudo o que de nós restou...

 

Ricardo Sales.

18/08/2018.

Saiba mais…

O VENTO E AS FOLHAS

O alavancar hostil do vento,

A levar sorrateiramente a esmo,

As folhas sem cores, mortas,

A um destino qualquer.

 

Não menosprezem estas folhas,

Descartáveis pelo tempo,

Já contribuiu com seu ciclo de vida,

É nem assim são inúteis.

 

Elas ainda podem contribuir,

Vão adubar novas terras,

A germinar novas vidas,

O vento sempre as conduzirá.

 

A vida sempre a transformará,

Te levará aonde você merece está,

O vento e as folhas,

O porquê?...

 

São vidas em transformações,

São preces e orações para se crê,

São infinitos corações pulsando,

Onde ninguém os vê.

 

Ricardo Sales.

22.08.2018.

Saiba mais…

SENHORA NOITE

A noite chega,

Vagabundos vaga-lumes vagueiam,

Brilhantes, atemorizando as estrelas,

Chegam com afagos da lua,

No deleite de sua nobreza escura,

Arrear... tuas vestes cruas.

 

Oh! Noite!

Traz algozes afoitos desejos,

Mil açoites alardeiam teus temores,

Mais são amores que te rodeiam.

 

Bela, te beijo ao te tatear,

Te cubro com teu manto faminto,

Te abraço e te sinto,

Conquisto tua bondosa alforria,

Sou tua sensata alegria, me sorria.

 

Me acolhe em teus negros olhos,

Sou teu dono no último sono,

Quando me abandonas,

O clarear já te acena,

Me tira do teu apego,

Me despeço e mútuo te agradeço,

Senhora Noite do meu sossego.

 

Ricardo Sales.

04.09.2018.

Saiba mais…

UM BOM DIA!

Bom dia!

Era tudo que queria ouvir,

Numa manhã com suas manhas,

Para ampliar meu astral,

Me sentir vivo,

Uma pessoa amada,

Não custa nada,

Apenas um bom dia.

 

Um cumprimento simples,

Nada sobrenatural,

Faça ser natural,

Seja um irmão ocasional,

Sinta-se mais humano,

Apenas um bom dia,

Com meiguice,

Com um sorriso angelical.

 

Faça  todo dia importante, único,

Um coração a se alegrar,

Seu espírito se enaltece,

E tece a teia da felicidade,

Te transforma a sua forma,

Não se lamente, sinta,

O que um bom dia,

Faz por você todo dia.

 

Ricardo Sales.

24/08/2018.

Saiba mais…

A LUZ NUMA LÁGRIMA

Uma inocente lágrima brota,

Como uma nascente de água cristalina,

Desce ingenuamente pela pele,

Como descendo vale a baixo,

Molhando o rosto,

Como a água molha a terra,

Ambos molham a vida,

A vida que vive dentro de nós,

Que faz sorrir,

Que faz chorar,

Uma lágrima,

Uma luz,

Que induz sensações,

A luz numa lágrima,

Um brilho que reflete,

Suas fortes emoções,

Que faz pulsar,

Instigar uma lágrima,

Nela uma luz faz resplandecer,

Que espelha feito espelho na alma,

Dentro do teu próprio ser.

 

Ricardo Sales.

10/08/2018.

Saiba mais…

TE DESPINDO COM MEU OLHAR

 

Vejo você  chegando com passos de manequim,

Teu corpo num balanço parece dançar,

Num vai e vem de movimentos sutis,

Teus olhos um brilho que me faz enfeitiçar.

 

Teu corpo moreno de pele bronzeada,

Me chama atenção, faz meu corpo vibrar,

Sorriso de puro encanto, que atiça meu desejo,

Tens cabelos negros como uma noite sem luar.

 

Você é minha tentação, minha euforia e perdição,

Meus pensamentos impuros que afagam meu querer,

Você é minha sina e o amor que apaixonou meu coração.

 

Me perco em momentos infinitos que me dão prazer,

São fantasias líricas que me fazem ingenuamente delirar,

São minhas loucas retinas te despindo com meu olhar.

 

Ricardo Sales.

22/08/2018.

Saiba mais…

ESTRELA

ESTRELA

 

Estrela,

Teu brilho me seduz,

Me induz,

Traz saudades,

Lembranças afloram,

Estrela traz ela,

Me acalma a alma,

Só ela me delicia,

Não tem dia,

Que não te lembro,

Ilumina meu caminho,

Só quero teus braços,

Sentir o calor do teu corpo,

Em teu colo adormecer,

Sonhar teus sonhos,

Chorar teu choro,

Sorrir teu sorriso,

Caminhar teus passos,

Sentir teu cansaço,

Só assim serei feliz,

Quando me diz,

Que me ama,

Que a estrela te inspirou,

Quando sentiu o aroma de uma flor.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

UM AGRADO A PAULINHO DA VIOLA

Teu cavaquinho chora como viola,

Extrapola em melodias que alegria,

Já foi um rio que passou pela minha vida,

A fonte que jorra e exalta o samba,

Sambista que inspira o canto do coração,

Semente que abre as janelas da vida,

Faz do samba sua oração,

Grita as madrugadas por seus acordes,

Acorda os amantes com ânsia de amar,

Só o amor pelo samba canta e espalha,

Teu belo e cristalino cantar,

Propaga pela leve brisa,

Até o além-mar,

Leva, leva e vou junto,

Quero levar ao meu amor,

Uma flor com o perfume do samba,

Uma dança com gosto de solidão,

Onde só eu teus sentimentos violo,

Desbravo apaixonado teu insensato coração,

Simplesmente ouvindo Paulinho da Viola.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

ESTRELA

Estrela,

Teu brilho me seduz,

Me induz,

Traz saudades,

Lembranças afloram,

Estrela traz ela,

Me acalma a alma,

Só ela me delicia,

Não tem dia,

Que não te lembro,

Ilumina meu caminho,

Só quero teus braços,

Sentir o calor do teu corpo,

Em teu colo adormecer,

Sonhar teus sonhos,

Chorar teu choro,

Sorrir teu sorriso,

Caminhar teus passos,

Sentir teu cansaço,

Só assim serei feliz,

Quando me diz,

Que me ama,

Que a estrela te inspirou,

Quando sentiu o aroma de uma flor.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

A DESPEDIDA

A DESPEDIDA

 

Quantos olhos preciso para te admirar,

Quantos braços serão suficientes para te abraçar,

Quantas montanhas de beijos para demostrar o meu amor,

Quantas Bíblias com palavras terão essa nossa infalível despedida,

Quantas estrelas iluminarão este momento mágico,

Quantos jardins da Babilônia de encherão de flores,

Quantos oceanos invadirão em lágrimas meus úmidos olhos,

Quantos Deuses terei que implorar para não vê-la partir,

O universo, a terra, os mares, em sintonia,

Te lembrarão em perpetua tuas doces memórias,

Ficarei a margem da solidão e nem me lastimarei,

Fincarei você para sempre em meu coração,

Pelas mãos de Deus você se mudou para o cosmo,

E de lá sempre me visitará através de uma lua cheia,

Virá pelo clarão prateado que inundará a noite,

Cumprindo sua promessa que teu olhar me prometeu,

Quando a vida diluiu teu último suspiro e teu olhar se foi,

Só queria ter o poder para dizer que este dia nunca aconteceu.

 

N.A: Muitas saudades minha Mãe.

Ricardo Sales.

15/07/2018.

Saiba mais…

NUVENS DE ALGODÃO DOCE

Um céu de brigadeiro,

Um mar azul e infinito,

Queria poder te navegar,

Consumir minha infâmia curiosidade,

Aguçar minha insana vontade,

Observar incrédulo tua imagem  em nuvem,

Moldada pela minha ingênua imaginação,

Minha Monalisa, a sorrir para mim,

Com seu sorriso enigmático,

Nesta aquarela que pintei minha alquimia,

Viajo de olhos fechados,

Sou meu solitário guia,

É minha nuvem de algodão doce,

Como loucos são meus desejos,

Quero ti devorar com o sabor dos meus beijos.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

SÓ PENSEI EM TE PROCURAR

Só pensei em ir te procurar,

Sentir teu inconfundível cheiro,

Cheiro de terra molhada,

De cabocla de pele dourada,

De beijo estonteante como pecado,

Onde o orvalho faz tua morada,

Fincar raízes de uma rosa debochada,

E róseo fica teu rosto quando te beijo,

Sufoco meus anseios porque te vejo,

Cultivo meu amor na ânsia de te querer,

Derramo como lágrimas meu perdão,

Que renascem em sementes,

Brotando em fértil muda,

Que certamente vingará viçosa,

Crescerá a cada nascer do sol,

A cada luar teu desejo despertará,

E assim meu amor se perpetuará.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

MOMENTO MÁGICO

 

No momento que sentir tua boca úmida,

Aliviei minha ânsia de possuí-la,

Mais não o desejo que me sufocou,

Durante a saudade que parecia infinita,

Trêmulo, sufoquei as palavras,

Não disse nada...

Apenas meu corpo suado e incontrolado,

Te envolveu num manto úmido,

E o meu amor aflorou bêbado,

Num momento mágico,

Único, viril e soberbo.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

NOSSA JORNADA

Quando nascemos já temos nossa jornada de vida a cumprir,

Os primeiros passos, o início dela, se dá em casa,

No conforto e segurança de nossos lares,

Sem nos darmos conta,

Os anos passeiam em nossas ingenuidades,

Chega a maturidade e o destino traçado,

Em nossos passos, são caminhos indecifráveis,

Erramos, acertamos, choramos e sorrimos...

As vezes damos passos maiores que as pernas,

Outras vezes ficamos indecisos,

Se recuamos ou continuamos,

Todos os dias temos que tomar decisões,

Domar nossos impulsos as vezes incontroláveis,

São atos que exigem coragem,

Os conselhos são dados e as vezes não ouvidos,

O coração de mãe é infalível:

- Meu filho, não tome decisões precipitadas, siga seu coração,

não haja pela emoção e sim pela razão.

Mais nunca abandonamos nossa jornada,

Ela está presa as nossas vidas,

Nossa fonte de inspiração,

Aonde ela nos levará?

Somos andarilhos por natureza,

Somos nossos próprios destinos,

É a sina que nos movem,

Locomovem nossas locomotivas,

São os nossos trilhos a perderem de vista,

Nunca temos ideias do que nos espera adiante,

Nem até onde poderemos ir,

Planejamos nossos sonhos e objetivos,

Mais sempre é uma incógnita,

O que esperar dela?

A não ser a sorte?

Que ela nunca se solte de nós,

Ou a nossa fé, que nos ampara,

São nas emoções que pavimentamos os caminhos,

A vida que sempre almejamos,

Nem sempre alcançamos,

Assim é a vida ao longo de toda a jornada,

Como seres humanos que somos,

Se somos ausentes ou presentes,

Só mais tarde seremos julgados.

Cada um caminha com os passos que tem...

 

Ricardo Sales.

23/05/2018.

Saiba mais…

PROCURE SE ENCONTRAR

Faça a si um favor,

Olhe para dentro de si,

Para não se esquecer de você,

Pois só assim vale a pena existir,

Não se importe de falar,

Nem se ofender do que é,

Seja natural,

Sem más ambições,

Tenha sempre você por perto,

Não faça caso se não se deu,

Não chorou,

E nem sorriu,

Nem se amou o seu Deus.

Faça a si um favor,

Nunca esquecer de você,

Se por acaso se perder,

Procure sempre se achar,

Nunca desista,

Sempre persista,

Em todo e qualquer lugar,

Até poder encontrar,

Não vai achar se não procurar.

Quero ter alguém para lembrar,

E uma bela história para contar,

De alguém perdido nos próprios passos,

Que se encontrou nos próprios braços.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

INSCRIÇÃO

Mais um romance em minha vida,

Perdido está meu coração,

Iludido de tantas promessas,

Um oceano de compaixões,

Se não houver um amanhã,

O tão sonhado amor nunca virá,

Serei um eterno andarilho ao ocaso a vagar.

 

Já pequei muito agindo assim,

Não quero outra vez me enganar,

Já recebi muitas flores,

Algumas por gratidão,

Outras querendo meu perdão,

Para ter de volta sua inscrição,

Em meu solitário coração.

 

No fim das contas,

Nem sei quantas,

Vivi a força do ingênuo amor,

E a enganosa alma gêmeas,

Torturam minhas desilusões,

E o meu receoso coração,

Teme ser mais uma isca em sua solidão.

 

Vou encerrar as inscrições,

Só assim não terei mais sofrimentos,

Dores de amor só em lembranças,

Com instransponível armadura,

Viverei livre dos meus lamentos,

Quem sabe um dia sem inscrição,

Alguém conquistará meu coração.

 

Ricardo Sales.

Saiba mais…

NÃO CHORE MENINO (Remix)

Não chore não menino,

Não chore pelo que não veio,

Pela esperança que brotou e desbotou,

Pelos caminhos sujos e turvos.

 

Não chore pelo que ainda não tem,

Porque um dia certamente terá,

Não chore pelo instante perdido,

Porque logo em seguida outro o substituirá.

 

Não chore porque se machucou,

Pois todos nós caímos,

E o mais bonito de tudo o que de nós jorrou,

É à flor do amor, em nós, se abrindo.

 

Não chore pelas desilusões,

E não as tema,

Não chore pelas incertezas,

Onde quer que esteja,

Pois as suas lágrimas,

Apenas te impedirão de ver as estrelas.

N.A: Ao meu filho Jr. quando criança.

 

Ricardo. Sales.

Saiba mais…
CPP