Inspirações

E. Rofatto

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    Ave Maria! O teu poema nos faz lembrar que, muitas e muitas vezes, quando estamos olhando a devastação da nossa própria colina, outras pessoas estão à espera de socorro, então é necessário reavaliar, o que realmente importa. Quantas vezes é tão pequeno aquilo pelo que choramos em realção ao choro de muitos palhaços que riem escondendo a propria dor para alegrar a dor do outro.

    É díficil se despreender do próprio sofrer para colher o sofrer do outro com um sorriso inexiste, entretanto, essa ação pode, em muitos casos trazer consolação.

    Maravilhoso!

    Minhas reverências.

  • Gestores

    Espetacular Edvaldo. Parabéns mais uma vez.

  • Edvaldo, quanta verdade em teu texto. Quantos de nós já passou por isso.

    E como disse Clarice Lispector : '' Um amigo me chamou pra cuidar da dor dele,guardei a minha no bolso. E fui. ''

    Parabéns. Admiro muito a forma que escreves. Um abraço

    • Grato, Marta! É uma imensa satisfação receber aprovação de quem admiramos também pela qualidade e pessoalidade do estilo Um abraço!

      (P.S. - Clarice tem frases bombásticas! Essa, por exemplo, uma convocação a nossa humanidade! Linda de mais!)

  • Gestores

    Primeiramente, gostaria de parabenizá-lo pelo extraordinário trabalho, pelo nível dos textos, pela quantidade de boas reflexões que eles nos possibilitam. A palavra-chave, aqui, consiste em está na essência da leitura. Com certeza nunca saiu dos seus textos à Francesa. Mais uma vez registro minha admiração!

    • Grato, Sam! Receber visita com um comentário assim tão elogioso - e sendo um dos administradores da Casa - é uma honra! Fico lisonjeado!

  • Magistral momento de poesia caro poeta

    Mascarando a alma do palhaço com palavras

    coloridamente inspiradas, ternamente apaixonadas...

    Meus aplausos e um abraço fraterno

    FC

    • Grato, Frederico! É tão rica a figura do palhaço que sempre rende uma pintura, uma música, um texto...

      Alegraram-me a tua visita e as tuas palavras!

      Um abraço!

  • Gestores

    Edvaldo mais uma vez encanta com teus escritos... quem não saiu "a francesa", usando uma máscara para esconder a tristeza que lhe ia no fundo da alma??? Me recordei de um momento em que estava formando para Doutora Palhaço, mas a  minha alma estava destruída, mas o sorriso permaneceu por que o show tem que continuar e muitos esperam nosso sorriso para ter um pouco de esperança. Parabéns!!! DESTACADO!!

    • Grato, Angélica, pela visita, pelo comentário e pleo destaque! Sair à francesa (e, quando não, "ficar à francesa", disfarlando fortes emoções) é uma estratégia de que, vez ou outra, precisamos çançar mão - para nos preservar e também para poupar outros que estão ocupados com suas felicidades...

      Que belo trabalho é este de "Doutora Palhaço": parabéns!!!

This reply was deleted.
CPP