Inspirações

Brincadeiras fim de tarde

A menina caricatura de um menino traquino

corria pelo campo sem boneca nas mãos

seu brinquedo preferido

o jogo de gudes

ela ganhava

ela perdia

mas não desapontava

quem de longe

observava

as jogadas

da menina,

que sem blusa

e calça curta

parecia mesmo , um menino

 

Bela desculpa ela usava

"observar o irmão"

que jogava bola

com os amigos;

e ela,

jogava gude

com os amigos do irmão

 

O irmão enraivado

querendo que ela fosse embora

chamava a menina de Maria Homem

mas a menina, pirracenta

ficava,  jogava e gritava,

era uma profissional nas jogadas

ganhava mais que perdia

bolso pesado por causa das gudes

depois de muito chatear o irmão

corria e xingava o pobre coitado,

ele corria  atrás dela

enquanto a menina

pernas longas, alcançava a estrada

que a levava até à sua casa

como um trem 

 

A mãe agoniada

sempre colocava de castigo

a menina e o menino

 mas, não adiantava

o menino pouco depois , fugia

a menina, adormecia

aos pés do banco de madeira

que servia como suporte

para mãe

usado como ponto do castigo.

 

Castigo que não ensinava

pois no outro dia

a menina mais uma vez

fazia tudo igualzinho

e o irmão, tadinho

virava piada entre os amigos

que sempre diziam:

olha ela ai , olha ela ai, rsrsrsr

 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Gilcelia Santos Ressurreição

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • (Se a montanha não vai a Maomé, vai Maomé à montanha.) Cumprimentos pelo empreendimento! Arrebentou! E claro que regressarei para decodificar outras obras suas com mais calma.

  • Gestores Adm

  • Essa é a saga de muitas meninas da minha época. Lindo!

This reply was deleted.
CPP