Inspirações

Cai a noite

Caí a noite.
Com ela,vejo
A tua imagem
Dentro ,da luz
Que ,ela tem
Ela cai
Com ela
Vai crescendo
Pensamentos
Que vagueiam
De momento
Em momento
A luz,ilumina
Cada ,pedaçito
De caminho
Que percorro
Ao longo
Desta,estrada
Neste
Pedaçito de luz
Que me faz
O pensamento
Correr
Voar
gritar
E, dizer
Não quero
Que ,esta noite
Desapareça
Porque
Quero,estar
Aqui
Vendo-te
Caminhando
Nela
Tu estás
Porque dizes
A noite é bela
Para os amores
Se encontrarem
E, fazerem
Dela
A, sua confidente
De risos
Tristezas
Alegrias

Descontentamento
Mas
Sempre
Será
Ela,que
Dá a magia
Do belo
Que a noite,tem
Aqui
A noite caí
O dia nasce
As estrelas
Se contemplam
O dia,chega
O sol,aparece
A natureza
Reaparece
O brilho
Do dia,tem
Muito mais brilho
Porque
A natureza
Sempre,põe
O brilho
Em tudo
Que constrói
Dá,alegria
Ás flores
Faz do sol
A beleza
Do universo
Põe,transparência
Na água
Dá som aos rios
Dá alegria
Aos pássaros
E com eles
Cantam
O hino da natureza
Quando a noite acaba
E o dia
Começa
Teremos mais
Um dia de vida
Ou uma noite mágica
Nesta noite que caí
E, o dia reaparece
Neste arco íris da vida
Que a noite
Tem para dar
Em qualquer
Noite
Ou dia
Quando ela
Aparece
E desaparece
Também
Aqui....Quando a noite caí

Daisy Bastos

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Daisy Bastos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Um verdadeiro encanto de encher nosso olhos, uma beleza unica

  • Bela composição. Parabéns Daisy.

  • Sua poesia é linda. Eu me encantei com tudo.

  • Nunca cansa-me lîr a você, minha admirada e querida Daisy.

    Maravilhoso poema...

    Belo, bom...

    Romántico, terno, sabio...

    Sim...

    .

    A NOITE CAI...

    .

    A noite cai,

    e como uma guilhotina

    sesga a lua pela metade

    com seu semblante branco

    arrumado pela dor.

    .

    A noite cai

    com pingos de silêncio

    que falam, ecoam, gritan,

    desabrochando o pensamento

    nas lembranças do amor.

    .

    A noite cai,

    e seu sudário escuro

    revela a outra faz da vida...

    ¿Quando acreditar na verdade

    em meio de tanta vil mentira?

    .

    A noite cai,

    e com ela os sonhos 

    acordados junto ao medo...

    Buscamos as estrelas apagadas 

    pelas aciculadas luzes da cidade....

    .

    A noite cai...

    Talvez seja a última.

    A brisa refresca a mente

    e como em um velho relicário 

    guardamos nossos belos momentos.

    .

    Nieves Merino Guerra

    27 de october de 2017

    Gran Canaria- España

    • Somente um coração repleto do CRIADOR; para cantar (e tão bem) as maravilhas da Criação;

      de forma tão maravilhosa!...

      APLAUSOS.

This reply was deleted.
CPP