Poesias

DESAPEGO

  DUETO ENTRE ELISA SALLES 

           &                     

GERALDO COELHO

Não permita que meus sentimentos
Sejam pétalas de flores atiradas ao chão
São tão intensos, ao mesmo tempo que tão suaves.
sublimes como mar de açafrão...
Não haverá neste mundo, mulher que o ame
com tamanho desapego,
amor meu_ Adoração!

Mas meu querido namorado
Se não quiser mais ser meu amado
Juro que não o fatigarei com meu amor...
Juntarei as muitas coisas que eram nossas
e partirei, sem nem mesmo justificar seu desamor.


Pensando bem; quem é que teria coragem
(Isto seria e muito grave)
De ver forrada de pétalas de flor,
a paisagem;
Pisotear algo assim, de tão belo e suave?...
Meu Deus!...Assim eu sou pego!...
Faço de consciência um exame:
Será justo, contigo meu desapego;
Quem mais, encontrar que
assim, tanto, me ame?...

Te amo, não...novamente isto não digas...
Que teu amor me cause fadigas...
Perdoa ao meu desapego; desatenção!...
Porém, posso dizer-te sem nenhum exagero,
Que tuas palavras soam como um tempero
Com o suave gosto de açafrão!...

Dueto
Geraldo Coelho
&
Elisa Salles


Elisa Salles ( Elisa Flor) e Geraldo Coelho

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Como sempre, Geraldo, uma belíssima obra poética! Parabéns!

  • Excelente. Deixei comentário na postagem de Elisa Salles. Parabéns aos poetas.

  • Maravilhoso dueto. Meus aplausos. Abraços fraternos.

  • Que lindo!

    Um entrosamento prefeito,parabéns!!

    Amei!
    Bjs
  • Maravilhoso dueto ,Geraldo!
    Um entrosamento prefeito.
    Parabéns!!
    Bjs
  • O amor que conduz os belos momentos vividos de suas alma apaixonadas em um linda paixão

  • que maravilha de dueto!

    Parabéns aos dois poetas.

  • Maravilhoso dueto,caro peota. Parabéns pelo feito poético

  • Parabéns poeta Geraldo

    um belo dueto adorei abraço...

This reply was deleted.
CPP