Poesias

LENÇÓIS MÁGICOS

Mais um pouco de silêncio no coração

E o paraíso será alcançado no seu todo

A voz que me trazia desespero

Há pouco se evaporou entre os montes

 

Meu sonho alegre abre um sorriso

Enquanto bato à porta do amor

Basta você se destravar por dentro

Ao ouvir os toques suaves da sedução

 

Não amo apenas para ser um louco feliz

Mas para me revigorar ao me nutrir

Do sangue supremo da poesia alada

Que voa em meu entorno desde sempre

 

Quero agaiolar o canto mais poético

Que acaricia meus ouvidos durante a noite

Para ter a liberdade de saltar as horas duras

E mergulhar no mais profundo lago do prazer

 

A plenitude abre-me os seus longos braços

Para me abrigar em seu imenso manto

Onde os poetas adormecem com a mente em transe

Amando sem pudor sobre os lençóis mágicos

 

(CLÁUDIO ANTONIO MENDES)

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Alguns versos nos chegam como certificação de indiscutível beleza poética - esses seus, por exemplo!

  • Mágicos são teus versos, Claudio! Viajeiiiiiiiiiiiii! bjs

  • Maravilhoso poema, Claudio!

    Parabéns! 

  • Os olhos mergulham nas puras essências de um amor atômico, que as cores se platonizam em lindos versos  

  • Adm

    Que dizer, Claudio? Belíssima obra.

    Versos mágicos. Parabéns!

    Destacado!

  • Poeta Claudio poesia leve

    mas repleta de sentimentos adorei abraço...

  • "Mais um pouco de silêncio no coração

    E o paraíso será alcançado no seu todo"

    A leveza de seus versos nos transportam e nos deixa a alma leve... belissimo Cláudio... tão màgico quanto seus lençóis!!!
  • Uauuuuuuuuuuuuuuu,que show!

    Aplausos,poeta

    Beijossss

  • Lindo de se ler!! Aplausos de pé amigo Cláudio' abraços.
  • Que lençóis mágicos!...
    Belíssima composição, amigo poeta!
    Bjs!
This reply was deleted.
CPP