Inspirações

São tantas horas...

 
São tantas horas...

São tantas horas... querido!
Horas de angústia, de espera
meu coração dispara ao menor ruído
e no entanto
não é que eu pensei que era...

São tantas horas... tantos dias
tanto tempo...
e nada de ouvir sua voz
meu doce alento...
Onde estarás,
que não chega lá meu pensamento?

São tantas horas... mortas
a insônia a me rondar, traiçoeira
e o calendário a me dizer
insistentemente
que estou sem você
há tantas horas... tanto tempo...

Por que?

Ciducha Seefelder
 
 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Belíssimo parabéns aplausos 

    Ameiiiíí 

    Ciducha 

    • Obrigada Meire querida pelo carinho

      Bjssssssssssssss

  • Gestores Adm

    • Obrigada amiga querida pelo carinho

      Fico feliz e vaidosa

      bjssssssssss

  • Gestores

    • Olha só a minha alegria!!

      Beijosssssssssss

  • Gestores

    • Que primor Marso,obrigada eu ameeeiiiiiiiiiiiiiiii!!

      Beijos muitosssssss

  • A espera é difícil, nada nos alenta e ficamos atentas e  inquietas  ao menor barulho.

    Sobressaltos  e expectativas nos tiram o sossego e o sono.

    Verdadeiros seus versos Ciducha, amei, pois é tudo o que acontece mesmo, quando se espera alguém.

    Parabéns à sua inspiração que nos emociona.

    Abraços carinhosos de Veraiz Souza

    • Obrigada querida Veraiz pelo carinho da leitura e comentario

      Fiquei feliz e muito vaidosa vindo de voce uma poeta que sou fã ferrenha

      Beijos muitossssssssssssssss

This reply was deleted.
CPP