Inspirações

Se Criativo Sou

Me faltam as palavras
Mas não  os sentimentos
Na verdade transbordam
Já não cabem em meu peito
Para o papel transcrevo
Mandando para longe o tal bloqueio
Se criativo sou
Dou continuidade nesse encanto
A essa altura toma forma 
O papel que era branco
Nesse momento ganha vida
A esferográfica preta
Agora com tom de destaque
E a função  de manter  viva
Nossa arte, novamente risca
E me eleva ao céu
Devolvendo a inspiração
Que habitava em meu coração
Já não  me sinto ao léu
É restaurada  a normalidade
Presente em meus dias
E a naturalidade existente
Na relação entre poeta e poesia

Everaldo Magalhães

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Everaldo Magalhães

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • O papel que era branco nesse momento ganha vida – e os seus teclados ficam ardentes ao digitá-los. Aceite os meus cumprimentos – e mande noticias da poetisa Veraiz.

    • Obrigado Sam Moreno, abraços amigo.

  • É assim mesmo amigo Everaldo, somos nascidos para poetar... sem fim.

    Parabéns, pela obra... abçs.

  • Que beleza, Everaldo. O poeta nunca fica sem inspiração, seu olhar ver poesia em tudo.

    Parabéns!

    • Obrigado pela visita e comentário Edith Lobato, abraços!

  • Que lindo,Everaldo!
    Parabéns !!
    Bjs
    • Obrigado Márcia, abraços!

This reply was deleted.
CPP