Inspirações

Sou dele somente

Sou dele somente

 

Na rua sossegada onde moro,a tardinha 

quando em sombras o céu lentamente escurece,

Às escondidas saio de cada sozinha 

encontrar o amor que jamais me esquece.

 

Nessa hora sagrada de louvor e prece 

a noite com o luar lindo a encantar,

Em seus braços o meu corpo ele aquece

Eu sou feliz por ser amada e amar...

 

Há uma barreira entre nós, eu sei bem

Ele é poeta e poeta é fingidor, mente.

Mas, em meus braços ele é meu rei.

Esqueço o que impede , sou dele somente!

 

Márcia A Mancebo 

(10/04/2018)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP