Inspirações

...Sou folha solta ao vento...

Sou folha solta ao vento...

 

Ouça o vento que entoa minha fala ,

É um pedido que faço neste dia 

em que o sol se põe triste em agonia 

e, eu  assisto nesta tarde que se cala.

 

Sinto calejar os joelhos ao orar,

E a lágrima que desce pela face 

como uma faca afiada...um transpace

ferindo o coração por te chamar .

 

Pelo vitrô em silêncio olho distante,

Esperando -o chegar qualquer instante.

É vaga essa esperança acalentada ...

 

Só resta uma lembrança muito fria ,

e n'alma uma lacuna pelos dias.

...Sou folha solta ao vento abandonada...

Márcia A Mancebo 

31 /03 /2018

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Obrigada. Muito obrigada pelo carinhoso comentário.

    Bjsss 

  • Gestores

    É de tirar o chapéu Márcia! Parabéns.

  • Aplaudo de pé querida!

    Bjsssssssssss

  • Bem profundas palavras querida Marcia, texto e contexto muito bem elaborado, linda inspiração de sentimentos saudosos e sentimentos que embalam o triste envolto do proprio eu... "Sou folha solta ao vento abandonada"  Parabéns. APLAUSOS mil... bjssss

  • Gestores

  • Gestores

This reply was deleted.
CPP