Poesias

Toque

 

Um pequeno toque no rosto

Com uma ínfima lágrima

Saindo de teus lindos olhos.

Azul, a cor do céu,

Talvez verde claro

Dando uma pequena esperança

De ser um toque em tua alma,

Ainda frágil pelo tempo

Não amadurecido.

Verde, a cor da fé,

Da busca por um novo ideal.

Quem sabe um sonho para realizar.

Um toque para uma nova vida

Ainda concebida pelo amor

Sem medo de errar,

Uma nobre alma

Na tormenta do exterior,

Fecundada pelo direito de ser algo

Para impressionar quem te toca.

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

CPP