Gestores

Pururuka a Leitoa e Zespiga - Parte 1 - DesTinos que se cruzam

Pururuka a Leitoa e Zespiga

.

Em uma linda Estância Rural, propriedade de um Homem-Animal, nasceu

Pururuka- a Leitoa. A sua vida - com ou sem glória - ora conto nesta estória.

Nasceu de sua Mãe Dona Porka, em pequena área quadrada, vivendo ali

confinada. Sua Porka Mãe um dia lhe disse:

.

- Pururuka - Leitoa Amada, estamos em tempo de Festas, e o Homem a

matará, para comê-la frita ou assada. E não adianta berrar ou gritar -

O Homem irá te matar... Aproveite a porteira aberta, e fuja - seja esperta!

.

Pururuka abraça sua Mãe e chora... E segue Mundo afora. Caminhou 

noites e dias, e se viu em certo local, lindo e verde por sinal, chamado de

Milharal. Foi ali, já com fadiga, que conheceu a linda Filha do Sr. Milho

que todos chamam de  Zespiga.  E assim, cantaram suas sinas:

.

P:   Fugi de meu Lar - um Chiqueiro / sem comida ou dinheiro

para não ser morta - Menina / como dizem ser minha sina

Não quero ser frita - assada / Sou Leitoa mas não sou vã

para servir de alimento ao Homem / tendo à boca uma maçã

- Se for essa a minha morte / Me diga quem tem pior sorte?

.

Enxugando suas lágrimas, ao ouvir tão triste sina, pelos fios de seus

cabelos loiros, assim falou a Zespiga - Menina:

.

Ze:       Os Homens me acariciam / Desde o meu nascimento

Carpem os matos ao meu redor / sempre a qualquer momento

No entanto, Ah - é muito triste / A minha sina de Vida

De ser apanhada Verde-Menina /  E ser numa panela fervida

É bem mais triste meu devir / Sem ter pernas para fugir!

.

Pururuka e Zespiga se abraçam, e uma Voz do Alto diz:

.

- Os Poetas e as Poesias / Lhes darão um Final Feliz!!!

... ... .

by: zeca-feliz - gaDs!...

cpp

cpp

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • 3830657380?profile=RESIZE_710x

  • Gestores

    CPP CONTINUED...

  • Gestores

    Não Percam nesta mesma Casa a Parte II - Conseguirão sair vivar pelas Estradas afora nossas doces Criaturas feitas pelo mesmo Deus??

This reply was deleted.
CPP