Terra do hífen

És, por assim dizer, terra.

De terra porém careces .

És mescla de fogo, água, vidas...

És repleta de subjetividades, abstrações.

És o começo, o fim, a hifenização.

És o perfeito e inóspito refúgio;

O não ser, o não sim, o enigma...

Furto-me à ciência, a erudição,

À magia pura, ao concretismo dislexo.

E respiro as imperfeições que me permitem pensar

Que és, por assim dizer, Terra

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • destacado044bellisimo.gif

    • Obrigado poetisa. 

  • É muito prazeroso poder decodificar e viajar no seu poema.

    • A melhor coisa pra que escreve é provocar o prazer em que ler. Vigo muito grato por todos esses comentários.

  • ChicoChagosoObrPartiCPP.jpg

    • Eu é que agradeço essas palavras reconfortantes.

  • Parabéns, poeta, poema lindo, magistral, adorei. Abraços, paz e Luz!!!

    • Muito obrigado, poeta. 

    • Grato pela generosidade.

  • download4.jpg

This reply was deleted.
CPP