Abro as janelas...

8427275275?profile=RESIZE_400x

 

Abro as janelas no de repente
o que vejo, realidade
marcado ao passo
tão real no tato
que se pega
a perceber
a dureza
do ver
aqui

.


Abro as janelas lentamente
o que vejo, me assusta
o querer mudar vem
está tão perto, sei
mesmo estando
certo alcance
tudo tem
seu jeito
de ser
aqui

.


Abro as janelas interiores
o que vejo, me anima
os pensares afirmam
dão incentivos, voa
pelo que sente
são sementes
germinam
crescem
realiza
confia
aqui

.


Glaucia Amaral

15/01/21

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Parabéns poetisa ameiiii parabéns

    • Meire, muito agradecida, paz e luz ao seu coração, bjs...

  • Interessante gostei da sua poesia

    e a maneira da postagem parabéns abraço...

    • Agradeço querida Eudalia... bj poesia...

  • Muito lindo, Glaucia!

    Parabéns, amiga querida 😘😘

    • Amiga Marcia, grata...mil bjs

       

  • Gestores

    8437718296?profile=RESIZE_584x

  • Gestores

    Achei muito interessante tua composição e o formato.

    É algum tipo novo de poesia?

    Gostei bastante.

    Aplausos, poetisa.

    • Olá amiga Edith, que bom que gostou, creio que seja sim, um novo tipo de poesia, foi nascendo, e assim se fez, gostei também... bjs mil! ;)

       

This reply was deleted.
CPP