Conto de um escritor

Conto de um escritor

eu não acreditava que alguem do futuro podia voltar no tempo.estava caminhando e num segundo surgiu do meu lado uma moto.uma moto que eu nunca vi antes.a mulher falou num idioma que eu não entendia,mas ela apertou um botao luminoso,dai comecei a entender o que ela falava.me assustei no começo,mas vendo que a mulher éra bonita, parecia que eu estava sonhando.ela perguntou o ano é 2020.eu sorri e falei,voce está brincando comigo,todo mundo sabe que estamos no ano 2020.ela falou cheguei no ano exato.eu sou do ano 4.000.me chamo helena.muito prazer me chamo leonardo.só to acreditando porque estou vendo a sua moto,se voce quiser me dizer porque veio do futuro para nos visitar.eu sou agente policial e estamos atrás de um bandido perigoso que fugiu para este ano 2020.e o outro dado que tenho que ele esta em sao paulo.eu sou leonardo escritor tenho meu escritório particular,acho que não vou poder te ajudar.ela disse talves voce possa me ajudar,eu estudei tudo sobre este no de 2020, mas tenho muitas teorias, e voce tem a prática.helena me mostrou fotonx ultra,e pude ver o bandido.eu falei para helena voce aceita almoçar comigo,ela nos paramos de ir a qualquer restaurantes ou casas para comer, tenho pilula alimentar,é prática e tem o sabor que vocer quiser,mesmo assim insisti,helena aceitou.fomos num restaurante mais caro e sofisticado,ela escolheu um cardapio que eu quiz comer também.depois veio champanhe,rimos, conversamos varios assuntos,eu aprendendo com ela e ela recordando sobre os estudos do passado.vi um anel em seu dedo,perguntei voce é casada, ela sorriu e disse no ano 4.000 não existe casamento.voce conhece uma pessoa e vai morar com ela.aqui ainda tem um povo que quer casar, apesar que esta diminuindo a cada dia.helena me perguntou voce faz parte do povo que que casar ou simplesmente morar junto, eu falei eu quero casar,mas só quando eu achar uma mulher que conquiste meu coração.helena disse eu estou morando com uma pessoa que trabalha na central de operações,unidade de tecnologia de comunicação.eu disse que pena, se voce não fosse comprometida eu até iria pedir para voce namorar comigo.helena sorriu,talvez seje porque ela tomou champanhe.helena fita os olhos em mim,me beijou, o beijo do futuro com o beijo do passado.dai convidei ela para ir em minha casa, e o amor que a gente fez misturou tecnicas do futuro com tecnicas do passado, foi maravilhoso, até estou apaixonado.e em questão de segundos seu anel começou a emitir uma cor que jamais vi,e o facho de luz projetou na parede do quarto,e apareceu seu chefe,helena se cobriu rapidamente com um lençol,max disse o que está acontecendo,voce so coberta com um pano primitivo,temos uma novidade,foi enviado para nós a localização do bandido,ele esta em são paulo,zona centro-sul,denominado ibirapuera.ele esta atuando a noite na boate zeus.ok max hoje a noite vou nesta boate,vou usar trajes desta éra primitiva.helena é perigoso e voce deveria vir com reforço policial,fica tranquilo,tenho equipamentos modernos e armas também.leonardo pede para ir junto,helena desculpe mas voce não pode ir,voce é escritor,e acho que nem sabe utilizar uma arma,leonardo responde é verdade nunca utilizei nenhuma arma,mas to preocupado com voce amor.perai leonardo fizemos amor e voce ja ta me chamando de amor, esqueceu que assim que capturar o bandido vou voltar para o ano 4,000 e talves nunca mais volte para este ano 2020.helena seja sincera voce gostou do amor que a gente fez, ela sim,maravilhoso.mas voce deve esquecer.helena se despedi de mim e vai para tal boate, eu pego meu carro e vou mesmo que ela falou para mim não ir.chego na boate sou revistado dos pes até a cabeça,a sorte que sou escritor famoso, e tenho dinheiro,pedi uma cerveja e fiquei no canto, derepente um alvoroço na boate,e na troca de tiros ultra modernos,acredito que a metade das pessoas que estava na boate morrerram.mesmo com medo, sai olhando para as pessoas caidas no chão e num dado momento vejo helena, meu coração gela,procuro sua pulsação, esta bem fraca, coloco ela em meu carro e chego no hospital mais perto, dou entrada, e correm com a mulher do futuro que eu amo no tempo presente.infelizmente os medicos me dizem que ela esta morrendo, não tem recurso,mas lembrei do anel de helena e volto na boate, e procuro loucamente,encontrei o anel, volto no hospital e coloco no dedo de helena e não sei explicar,como aconteceu o anel emitiu uma luz vermelha, pois a cor vermelha em qualquer ano significa emergencia, perigo.e numa fração de segundos helena é transportada, some.volto para casa triste, pois o amor da minha vida voltou para o ano 4.000 e nem sei se ela ainda esta viva.se passaram 3 meses.é 8:00 da manha, surge num segundo helena dentro da minha casa,eu disse não acredito,meu amor voce sarou, helena me contou que quase morreu,mas ela era para levar o bandido vivo,mas ele morreu,helena falou vim buscar minha moto, eu falei ta na garagem.então quer dizer que voce veio de volta só para buscar a sua moto,helena disse sim, eu falei ja sei voce esta com aquele cara que voce mora com ele, ela disse ,não, desde que eu cheguei de volta para o futuro ele não me visitou e ate arrumou outra.helena me perguntou como voce entendeu que só atraves do anel eu poderia voltar para o futuro,bom eu sou escritor e ja escrevi muits vezes sobre o futuro e me lembrei de artefatos que fazem a pessoa se teletransportar de um tempo para outro, e imaginei o anel, pois quando vi voce caida no chão com a pulsação fraca olhei na sua mão e não vi o anel.te levei para o hospital mais perto mas nossos recursos são atrasados,voltei na boate e depois de um certo tempo encontrei o anel,e coloquei no seu dedo.foi minha sorte, assim que cheguei no futuro uma equipe ja tomou as providencias.então que dizer que isto significa adeus.helena me olha com um olhar de que me quer, e eu o mesmo né.helena falou vou usar um termo que onde moro não se usa mais, quer casar comigo.e como resposta fizemos amor e faltei no trabalho.eu e helena nos casamos e vivemos no ano 2020 mas nas férias vamos passear no futuro.

 

                                                                                                   Davi simas couto

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP