Quem vê, não enxerga...

A tristeza é a privacidade que a alma e o coração necessita” – Lyan Farré –  Espaço do Cuidar

Quem vê, não enxerga...



Quem vê, não enxerga
O que está no coração
A dor mal resolvida
Saudade contida
D'uma partida...

Quem vê, não enxerga
Respirar que suspira
A cada lembrança
Perda da aliança
Tristeza d'alma...

Quem vê, não enxerga
Lágrima que rola
Ferida inda aberta
Cuidada pelo tempo
Sensível ao toque...

Quem vê, não enxerga
Insônia que lateja
Espírito angustiado
Sofrimento dobrado
Trancado no quarto...

Quem vê, não enxerga
por trás do sorriso
contido em sopro
alegria, gota que resta
suspira no pouco...

Quem vê não enxerga
coração debilitado
agonia por todo lado
sem saída, fechado
labirinto limitado...

Quem vê, não enxerga
aflições ocultas
gemidos da noite
que cercam o dia
com nuvens escuras...

Quem vê, não enxerga
mas julga na certa
pela aparência despreza
sem ajudar na pressa
pro mundo se fecha...

Que vê, não enxerga
tantas necessidades
além do frágil olhar
estão grandes lutas
travadas por cada um...

Quem vê, não enxerga
não precisa mesmo saber
apenas respeito ter
em cada interação
um bem à  todo coração...



af12]∞♡∞บ้านจ๊ะโอ๋โมเม้นท์บวก#83≈ด้วยรักเเละผูกพัน♡คิดถึงโอ๋มั้ย  ใครคิดถึงโอ๋ไปหาโอ๋กัน - Pantip

Glaucia Amaral

16/10/21

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP