Dos sentidos Orvalhados

 

3675074784?profile=RESIZE_710x

Por Jennifer Melânia

Dos sentidos Orvalhados

 

 

...Acredito ser mistério que a chuva

Desce mansinho e despeja tinta

no mundo, nos olhos do vagalume

e tem mais ação nas mãos que regam

as nuvens do que nos vales sem andorinha

e tem mais paixão no ser que se faz pluma

e suavemente encanta e sopra por aí

bons presságios de um verter amor amar

e se entregar a pueril atividade de ser

Acredito nas nuvens encharcadas de risos

Suando amores à vida, igual o banhar

Na bica, onde se lavam os cansaços e se levam

Na alma a leveza das bolinhas de sabão

Quanta doçura vem do céu nublado

Onde descem orvalhos inebriando sentidos

 

 

 

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Muito linda seu poema, Jennifer! Pura poesia! Bjs.

    • Obrigada, Mena. Bjim

  • Belíssima poesia. Puro encantamento. Aplausos mil

    • Obrigada, Norma querida! Meu carinho a você 

This reply was deleted.
CPP