LEMBRANÇAS PERFUMADAS

3822935805?profile=RESIZE_710x 

Abraço a roupa que ao partir deixastes no cabide
E ao sentir o teu cheiro exalando
Das lembranças dos lindos momentos
Vividos e compartilhados,
Posso sentir tua mão a enlaçar-me
E me protejo à sombra do teu chapéu…
Tudo neste quarto está cheio de você,
Que ainda que ausente se faz presente
Em cada pequeno detalhe e em cada canto…
Se me olho no espelho lá está a tua imagem
Refletida através de mim mesma,
Se toco a toalha ali disposta
O teu perfume me inunda,
O vento que balança as cortinas
Parece trazer-me o som da tua voz.
Perco-me em devaneio,
E acabo me encontrando sozinha
Diante do vazio cheio de saudades
Que irremediavelmente tu deixastes.

Virgínia Santana 25/02/2020

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.
CPP