O tempo não espera

3665949368?profile=RESIZE_710x

 

O tempo aproveita meu jeito passivo

diz onde posso pisar

regando a fonte da vida

esperando um bom lugar para perpetuar

viajando nas nuvens

esquecendo onde passei

me criei em trilhas de pedras e espinhos

as feridas a fé cicatrizou, me curou

o amor chora o gosto da espedida

sem saber o valor da chegada

cativando todos os sorrisos

lágrimas que lavam todos os desejos

dormindo no berço celeste enxergo flores

meu tempo é de paz

a fé e esperança prosperam com a água da fonte, vida.

 

José Hilton Rosa

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Gestores

    Querido Poeta Menino e Amigo José Hilton Rosa...

    É u'a honra te-lo ha tanto tempo caminhando ao NOSSO lado, irradiando sentimentos e Inspirações!

    Você é um DESTAQUE PERMANENTE nesta Nossa Casa dos Poetas e da Poesia!!!

    ABRAÇOS FRATERNAIS e com Reverências ao SER que nos demonstras SER! gaDs

    3713266292?profile=RESIZE_710x

  • Gestores

    3613755?profile=RESIZE_710x

  • Lindos versos, parabéns! Abraços 

  • Gestores

    3695879622?profile=RESIZE_710x

  • Maravilhosa poesia. Aplausos mil

    • Oi Norma! Muito grato pelo elogio. 

       

This reply was deleted.
CPP