Poesias

A cigana

A cigana

 

E a cigana leu minha mão...

Descreveu meu coração

Deixou-me certo impacto

Em adivinhos compactos

======================

E a cigana viu meu destino...

Em cartas citou seus acertos

Leu meu passado sem erros

Viu meu presente aceso

==============================

Sussurrei bem baixinho ao meu coração

O amanha só pertence aos olhos de Deus

Ciganas são enganos neste mar de ilusões

======================================

Apaguei minhas lamparinas

Abracei meu travesseiro sem contestar

Adormeci suavemente com minhas doutrinas

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

    • Oi Sam

      Obrigada pela homenagem

      Meu abraço

    • Oi Maria

      Obrigada pelo carinho

      Gde beijoi

    • Oi Marso

      Saudades de voces ....

      Estou tentando voltar a todos os sites aos poucos

      Estou com muito trabalho acumulado por isso ando sumida rsrsrsrs

      Obrigada pelo carinho

      Gde beijo

  • Adm

    Parabéns pela inspiração. Ficou bonito o poema.

    • Oi Edith

      Saudades de voces ....

      Estou tentando voltar a todos os sites aos poucos

      Obrigada pelo carinho

      Gde beijo

  • A sabia cigana sempre lendo mãos, desvendando
    segredos e mistérios.
    Aplausos!

This reply was deleted.
CPP