Live Support

Minha Página

Jussara Rocha Souza e Edith Lobato agora são amigos
Adm
Há 12 horas
Chico Chagoso e Edith Lobato agora são amigos
Adm
Há 14 horas
Edith Lobato posted a blog post
Quando a vida...

Quando a vida, ao ser humano, desafia,
é preciso ser valente e prosseguir,
ter uma meta e trabalhar o dia a dia,
pra vitória, na jornada, conseguir.

persistir, ter esperança no devir,
não vergar na aflição que anestesia.
Quando a…
Há 14 horas
Maria Elsabete da Silva Leite Ba e Edith Lobato agora são amigos
Adm
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Chico Chagoso
"Olá Chico, gostaria que olhasse os convites de amizades, clicando num bonequinho que fica bem ao lado da cartinha no alto de tua página. Obrigada.
Bela noite."
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Naiara Ferreira de Oliveira
"Oi Naiara, agora que vim te dizer que és bem vinda, querida.
Fica bem e aproveite as atividades poéticas da Casa."
Há 16 horas
Edith Lobato promoveu o perfil de Naiara Ferreira de Oliveira
Há 16 horas
Edith Lobato promoveu o perfil de Maria Elsabete da Silva Leite Ba
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Maria Elsabete da Silva Leite Ba
"Olá, poetisa, agora que vim te dizer que és bem vinda, querida.
Fica bem e aproveite as atividades poéticas da Casa."
Há 16 horas
Edith Lobato promoveu o perfil de Jani Brasil
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Jani Brasil
"Oi Jane, agora que vi te dizer que és bem vinda, querida.
Fica bem e aproveite as atividades poéticas da Casa."
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Jussara Rocha Souza
"Para postar, basta clicares em Publicações no menu de navegação abaixo do nome da Casa, feito isto, na página que aparecer, no canto superior direito de tua tela, clica no sinal de +, o editor se abrirá, o restante é tudo intuitivo. Bem vinda a esta…"
Há 16 horas
Edith Lobato left a comment for Jussara Rocha Souza
""
Há 16 horas
Edith Lobato promoveu o perfil de Jussara Rocha Souza
Há 16 horas
Edith Lobato promoveu o post de Ilario Moreira Versos sinistros
ontem
Edith Lobato commented on Ilario Moreira's blog post Versos sinistros
""
ontem
Mais…

Meu Blog

Meus Recados

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e das Poesias.

Join Casa dos Poetas e das Poesias

Comentários

  • Olá Edith, li suas Trovas, uma mais linda que a outra, amei.

    Não sei fazer rima, me é muito difícil, por isso não participo das Trovas.

    Vou aprender, tentando fazer algumas e depois sim, entro nessa também.

    Beijão....sua página é deveras muito linda. Parabéns

    Veraiz Souza

  • Amei tua Kpa.. Tua Pagina é Linda... (Não tanto - nem poderia ser - quanto Você)! gaDs

  • SERA UN PLACER SER TU AMIGO LINDA.

  • Meiga

    Ela se veste e se despe da poesia
    ¡e da paz!


    Cada noite pairando suavemente...


    A trégua.

    Uma pausa.

    Leveza
    de que a esperança
    apenas algo secou ao longo do dia.


    Vazio cheio de Amor

    ...


    Vazio e plenitude.

    ¡Você!

    Fantasía meiga despede seu olhar

    como beijos da alma ao seu redor.

    Gozo de um abraço e beijo sutil 

    caminha pelo ponte das estrelas.

    ...

    Meiga maga,

    verão no meu inverno,

    caricia verdadeira da confiança 

    onde a amizade se faz profunda,

    indisoluble, fuerte, eterna.

    Obrigada por ser e existir em minha vida.

    Gracias por creer en mí y quererme.

    Felicidades, mi hermana del alma.

    Que sean muchos más y que yo los vea.

    Feliz cumpleaños, mi tesoro.

    Te quiero mucho.

    Nieves


    Nieves M. Merino Guerra

This reply was deleted.

Minhas Informações

Qual seu nome completo?

Edith Lobato


Sexo?

Feminino


Data de nascimento

20/12/63


Local de residência (apenas Cidade / Estado / País)

Itaituba-Pará


Item fundamental para aprovação. Fale sobre você ((trabalho, experiências, gostos e ou preferências, familia, produção poético-literária....).

Sou professora concursada na rede Municipal de Ensino de Itaituba-Pará. Sou graduada em Matemática e graduanda em Sociologia. Sou poeta amadora do amor e da bondade, sou fragmentos de som na imensidão do meu ser primata e equação inexata onde o aprender é uma constante no mover de meus passos em minha existência.


Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Edith Lobato


Insira uma Foto pessoal tua em teu Perfil. (recomenda-se foto no formato 'jpeg' no tamanho de 180 a 350 pixels)

Concordo


Concorda que as poesias eróticas (caso as poste), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

Concordo


Concorda em interagir conforme possa, com os demais membros participando e interagindo das atividades da Casa?

Concordo


Concorda em NÃO POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

Concordo


Deixe o Link de teu Facebook: (caso tenha)

http://www.facebook.com/EdithLobato


Deixe o link do Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://edithlobato.blogspot.com


Publique neste espaço, um ou até dois textos de tua autoria. (não precisam ser extensos)

Águas da memória . Inundam minh’alma estas águas passadas, Que trago retidas em minhas memórias, Algumas são odes, são cantos, são glórias; Mas outras, somente, são penas juncadas, Colhidas no tempo ao sabor das lufadas, Dos ventos contrários do meu caminhar. Lembranças que gritam, que fazem penar, Que cortam, retalham meu ser em pedaços, Que vestem de luto minh’alma, meus traços, São lágrimas tristes, salgadas do mar. . As águas que escorrem de dia e de noite, Nas grotas profundas do meu pensamento, São vozes caiadas de dor, sofrimento, Algemas de mim, meu chicote de açoite, Que não me dão paz, muito menos acoite. Eu luto com fé para não naufragar, Nas águas do tempo que insistem borrar, O riso que aflora nos lábios sem pejo, O sonho que nasce qual água de um brejo Com lágrimas tristes, salgadas do mar. . E neste retrato pintado na tela, Eu bem sei que sou grão ilusório de sonho, Que em meio as tormentas da vida que enfronho, No vão da tristeza, da dor, da procela, Ainda pressinto que a vida é tão bela. Por isso que expurgo da face o penar, E toda tristeza que vem me amargar. Assim vou seguindo, cerzindo as hachuras, Bebendo na taça do tempo as rasuras, Das lágrimas tristes, salgadas do mar. . Edith Lobato – 07/11/13


Minhas Discussões

Adm

Destino?

Destino? No solo vermelho, vermelho de sol o verde morreu em meio a poeira, e o canto suave de um só rouxinol, já não se ouve mais descendo a ladeira. Manhãs silenciosas, devotas do tempo, o tempo que marca e não mede o amor, A vida se escoa qual…

Saiba mais…
Adm

Abdução

Abdução Preparei minha cama à luz do dia, e deixei a lamparina sobre a mesa, Caminhei! Fui saudar a natureza, no momento em que o sol se despedia. Eu lembrei de meu pai com nostalgia, e voltei para casa a refletir, na rotina do meu próprio existir.…

Saiba mais…
Adm

A menina dos horizontes

A Menina dos Horizontes ....... 1. Ao longe em Terras que ainda virgens 2. ua Menina olha os Horizontes vastos 2. e seu olhar se depara com os vazios... 4. De perto a menina ora sente uma voz 5. que diz-lhe de forma gentil e amorosa 6. - Você é o…

Saiba mais…

Autores em tela

CPP