Poesias

SEM SABER AMAR!

Sem Saber amar

Em minhas veias correm ansiedades que

serpenteiam em meu corpo frágil,

e todas as minhas fantasias te desejam

ferozmente nesta alma tão volátil.

O que dizer desta insanidade,

se para amar eu sou completamente inábil?

DESOUZA SANTOS

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Genial...

     Se você autoriza e entra em grupo de duetos, gostaria muito fazer entrelaces com seus versos.,..

    Parabéns!

    Beijos!La imagen puede contener: texto

  • Adm

  • Curtos e lindos versos! Aplausos! Bjs

  • Parabéns, poeta, belos versos, adorei. Abraços, paz e Luz!!!

This reply was deleted.
CPP