Poesias

TORMENTA

TORMENTA

Solidão e saudade não desejadas que ferem e isolam...
Chuva e vento se unem em diabólica demência
para fazer desse estado de animo una constante indesejada.

Tempo envaidecido pela força consciente de seu poder...
-O que se perde nunca vai retornar-.
Pingos de lágrimas salgadas escorrem
​ pela face da alma ao som da tormenta.

Desde as janelas abertas do ser interno,
a melodia dos lamentos sai e marca, 
confundida dentre os trovõ​es.

Treme a terra, treme o corpo, treme a esperança...

Mas a Vida fortalece as raízes das sementinhas,
e as que sobrevivem, crescem, florescem.

O arco-íris espera num recanto, escondido,
tendo em seu ventre todas as cores da esperança,
das ilusões, do recomeço.
Da luta cotidiana.

​Gravidez dos céus, da terra, do ar, 
que se mistura no fundo do nosso ser inquieto,
assustado, envolvido pela melancolía, parestésico...

Mas chegará o parto da primavera, do verão quente,
dos outonos que limpam; novos, frios e crus invernos...

Ciclos equilibrados da Natureza e de nossa própria natureza,
entanto o Tempo continúe marcando os segundos 
no relógio da nossa existência.

Nieves Merino Guerra
08- 09-2017

 

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

Nieves

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gracias Nieves, por compartirnos emociones donde la naturaleza y los estados internos no paran de susurrarnos sus paisajes. 

    Buen día tengas, hermoso ser.

    • Muchas gracias, mi querido Tino, hermano del corazón, vecino querido.

       Disculpa la tardanza...

      Ya sabes que mi salud no es buena.

       Besotes, amigo.

      Gracias infinitas por tu café, y mucho más, nuestro ángel de la guarda. 

       

  • Um encanto amada Nieves, e em português, excelente, beijinhos querida.

    • Obrigada, minha amada Cris!

      Qué bom que gostou!

      Beijos grandes.

  • Com emoção leio e relei-o seus poemas...tão existenciais, tão verdadeiros amiga

    Bem hajas pela partilha

    FC

    • Muitíssimo obrigada a você, meu mais que admirado e querido FC, poetazo, mestre, vizinho, amigo bom.

       Uma honra e alegría que aceite e goste!

      Beijos grandes.

       Doces sonhos.

       Bem hajas.

  • Parabéns, poetisa amiga, poema divino, maravilhoso, adorei. Sou seu fã. Abraços, paz e Luz!!!

    • Muitíssimo obrigada, querido Ilário.

       Beijos, amigo, poetazo.

  • Que lindo, lindo poema Nieves Meerino

    Me emocionei ao ler seus versos tão profundos de sentimentos quanto a Natureza.

    O turbilhão fere e dói, mata e destrói, mas como você diz, vem a Primavera e faz nascer as sementes enterradas.

    Que bela inspiração, amei. Grata por nos presentear com tão grande obra.

    Beijão com carinho da Veraiz Souza

    • Muitíssimo obrigada, minha amada Veraiz.

      Mil beijos, poetaza.

      Uma honra, amiga,.

This reply was deleted.
CPP