Inspirações

Insensatez

Insensatez!


Carente, alimento
com labaredas minhas
a luta diuturna que se trava eloquente
entre o justo e o injusto!

Nem todos os dias são iguais
ontem é sempre tão difícil de se repetir
hoje, ninguém tem  previsão para o amanhã...

Na face, trago estampando sempre
o olhar apaziguador
cavalgando léguas na chuva
que se mistura com o sal do mar

parece minhas entranhas balsamizar
tresloucada aventureira
no garanhão dos meus sonhos
mas tão repleta de amor...

No horizonte... inalcançável?...
cravada numa esperança muda
minha fantasia baila freneticamente
a noite parece não ter fim
abriga o desejo, que sobeja em minha alma
quero que voltes para mim!...

Ah... que insensatez!
Ciducha Seefelder
 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

    • obrigada pela leitura Marsoalex querida1

      Beijossssssssss

  • Sensata insensatez ! Aplausos de pé ! Bjs do Paolo.

    • Obrigada pela leitura,Paolo Lim!

      Um abraço

  • Cumprimentos pelo feitio e arrebatador conteúdo.

    • Obrigada pelo carinho Sam.

      Bjsss

  • Muito bonito Ciducha. A música está perfeita.

    • Obrigada querida Margarida pelo carinho

      bjs

    • Obrigada pelo carinho da leitura,querida

      Beijoss

This reply was deleted.
CPP