esperança (9)

Sem fronteiras

 

 

14360928?profile=original

 

Sem fronteiras

 

Às vezes sou a maciez do linho
O tic- tac das horas a fio
A estrofe de um verso em desalinho
Sou calor, mas não temo o frio

Uma andorinha livre na manhã de verão
Em dias enevoados, faço minha luz
No refrão de uma velha canção
Nas s

Saiba mais…

"Esperança!"

Patrono: Paulo Leminski

Acadêmica: Geilda Souza de Carvalho

Cadeira: 22

2057164?profile=original

                                                     Esperança

                                                     O Tempo...

Enquanto houver um sopro de ar...

Em minha cur

Saiba mais…
CPP