Na solidão do meu quarto


 

Na solidão do meu quarto

O tempo silencia-me em forma de dor

A saudade me maltrata

Sem esperança de redesenhar,

em traços carinhosos a forma do amor

O encontro com a melancolia

Esperando em horas marcadas 

 E contadas em minutos por este amor

Olho para os lados,

Vejo me deitado no abismo da solidão

Quantos desejos eminentes que anseia este meu coração

Encontro me perdido no tempo ao relento sonhando

Confuso com tudo sem saber se eu fico ou se fujo

Se hoje ainda sonho é porque ainda acredito no amor!

Hilton Rubens

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Maravilhoso espetacular ameiii bjs

  • Gestores

    3610494?profile=original

    • Obrigado, Safira pelo lindo post da minha poesia fiquei muito feliz!  Abraços

  • Solidão é a arte do encontro com o vazio existencial amigo poeta!

  • Gestores

    " Se hoje ainda sonho é proque ainda acredito no amor!!! Belíssimo!!!

    3610298?profile=original

    • Obrigado, Maria Angélica fico feliz com a sua visita e o seu comentário! Abraços 

  • Muito bom, Hilton! Acreditar no amor sempre!

    E o sonho não deve morrer! Bjs.

    • Sim Mena temos que acreditar sempre mesmo vivendo em uma época

      Que o amor verdadeiro  perdeu a sua influência nesse tempo de modernidade,obrigado por sua visita e comentário! Bjs

This reply was deleted.
CPP