Poesias

PEQUENO APRENDIZ

      “PEQUENO APRENDIZ”    

 

Por acaso sentes falta

de tuas asas que te levavam

a qualquer lugar

como se um pássaro fosses?

 

Por acaso és mendigo

pedinte de uma vida só

por não conseguires sequer

ser um eterno aprendiz?

 

Por acaso és um foragido

de vidas passadas

que te inebriavam e te consumiam

como se fosses um mero passante?

 

Muitos caminhos tens a percorrer

neste momento vida

para assim poderes aprender

como se fosses um pequeno aprendiz.

 

JC BRIDON - JÚLIO CESAR 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    E na verdade é isto que somos no decorrer de toda a vida. Aprendizes. Parabéns, Júlio.

This reply was deleted.
CPP