ETERNO AMOR!

ETERNO AMOR!

Nosso amor nasceu em uma

Linda tarde de primavera.

Vivemos momentos inesquecíveis

Junto as mais belas flores da primavera

Sempre roubava uma florzinha do jardim

E colocava em meio os meus cabelos.

Dizia sempre o nosso amor era como a primavera

Mesmo no inverno ou no outono

Que jamais morreria, pois seria eteno.

E hoje me vejo aqui em meio as mesmas flores

De antes... Só que agora ti vejo embalsamado...

Meu querido e amado para eterno!

Eudalia Martins...

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.
CPP