Ode ao silêncio

4056704099?profile=RESIZE_710x

 

 

Não suportas o silêncio mudo?

Incomoda-te assim tanto?

Para mim, é dádiva e espanto;

Doce presença do ar que respiro.

Sensação leve, em movimento...

O silêncio não fala alto, nem ri;

Junta-nos aos seres e a ti...

Silenciar, é ouvir a voz das coisas

E reparar que não somos só nós...

Os silêncios, ampliam a nossa voz

E nos conduzem por vales e rios;

Pomares de frutos amadurecidos...

Sem silêncio, tornamo-nos frios;

Caóticos, confusos e poluídos...

 

Mongiardim Saraiva

 

"Nos ecos do silêncio, doces palavras

me invadem como sopros de ternura..."

Marsoalex

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.
CPP