AMOR

Amor,

Porque está triste,

Porque está com este

Olhar tristonho e

O pensamento longe.

 

Amor,

Pegue em minha mão

E vamos dar um passeio.

 

Amor,

Vamos sair por ai

E vamos andar pelos campos,

Vamos conhecer lugares bonitos,

Onde nunca pensamos

Em poder estar.

 

Venha meu amor,

Venha depressa para

Perto de mim para

Juntos podermos andar

Caminhando sem destino

Ao encontro da felicidade.

 

Amor,

Enxugue esta lágrima

E venha para perto de mim

Pois eu vou lhe mostrar

Coisa linda que você

Nunca viu e sentiu em

Tua vida inteira.

 

Amor,

Venha depressa

Vamos descobrir coisas lindas,

Vamos nos reencontrar neste dia

Apagar esta tristeza

Que existe entre-nos,

Pois nos dois temos

Um mundo diferente

E lindo pela frente

Cheio de alegria e amor.

 

Marcus Rios

Poeta Iunense - Acadêmico -

Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)

Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras

Membro Efetivo e Imortal da Academia Iunense de Letras (AIL)

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP