Dizem

Diz a antiga sabedoria,
Que nossos medos e receios,
Se tornam mais assustadores,
Quando não os dominamos.

Temendo a expressão do que sentimos,
Muitas vezes, nos enclausuramos;
Nos fechamos e silenciamos.
E assim, estes sentimentos, tem outro apelo,
Vem em tormentas de angustia ou pesadelo.

Somos tão frágeis e necessitados de amor.
Precisamos alimentar nossa vida, com sentimentos bons
e tememos o dissabor e a rejeição,

Sendo estes aspectos de toda escuridão.
Tal qual aquela orquídea na floreira;

Precisamos de um meio ambiente acolhedor
Se ela não tiver essas fontes de luz e calor;
Murcha, ressaca, deixa de fluir em si a seiva.

Dizem assim os mais experientes,
Que sem extravasar a emoção em ações ou palavras,
A vida torna-se fraca, opaca e perde a leveza,
Que dá a ela toda graça.
 
A arte assim, contribui com efeito e sagacidade,
Nos levando a fantasiar e travar contato,
De forma subliminar com toda nossa emotividade.
 
 
 
Lilian Ferraz
04/09/2020

 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Lilian Ferraz

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Lilian poesia escrita com sabedoria

    e leveza em cada frase adorei ler meus parabéns abraço...

    • Grata pelo carinho e gentileza. Boa noite. bjs

       

  • Entre fantasia e realidade, importa viver com qualidade, se amar e acreditar que... mesmo diante dos pontos, é possível sempre, iniciar um novo paragrafo, e que seja sempre construtivo, no vencer os próprios medos e barreiras... Poetisa Lilian, gostei muito de ler-te, meus parabéns! Tenha um abençoado fim de semana. Muita paz e luz ao seu coração. 

    • Fico agraciada com sua luminosa presença. Um grande abraço

       

  • Muito me apraz sua visita e gentil comentário. Abraços

  • Parabéns amiga Lilian por este Poema de Excelência. Nada a comentar, apenas dizer que adorei. Abs de Antonio Domingos

    Ver a imagem de origem

     

This reply was deleted.
CPP