SOLO­čî╝

S O L O

 

 

Neste clima árido
sem zelo e cuidados
permane├žo vivo.
Quando vem a chuva,
tempestade, ventos
neve ou granizo
absorvo tudo,
por vezes, queimado
danificado e castigado
continuo resistindo
aos efeitos do mundo,
Mantenho a consistência
persisto nessa existência
Sou a camada protetora
da terra nua e desprotegida
sou manta que protege
a semente e depois a flor
mantendo aqui umidade
resguardando a vida
longe do intenso calor
Sou coletivo da esp├ęcie
Sou divisor e polo
Sou Solo!

 

 

Lilian Ferraz

05/12/2023

 

 

Dia Mundial do Solo

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus coment├írios –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP