Amor II

Amor II


Saio deste mundo de dor e solidão
Para nosso mundo de amor, carinho, ternura
No qual duas almas
Se tornam apenas uma

O coração levita
A alma rodopia
E voa no bailado
De milhares de borboletas
Num mundo encantado
De magia

Sempre será assim
Quando você falar
Ou estiver junto a mim

Porque milhares de vezes
Já disse e torno a dizer
Te amo e você é tudo pra mim.

Giselda Camilo

(Poesia sem Café, meu poeta... rsssss)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Giselda Camilo

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP