Poesias

O SILÊNCIO DO TEU CANTAR

“O SILÊNCIO DO TEU CANTAR”

 dia mundial das Aves – 09 de maio 

 

Tristes tememos o silêncio do teu cantar

Pois, através da linda melodia

Que, com toda ternura,

Nos envias aos céus eternos

Podem nunca mais nos emocionar.

 

Tristes tememos que ele irá

Para sempre se calar

Pois seres inescrupulosos

Com suas serras e machados

Derrubam árvores centenárias

Da bela floresta Amazônica

Onde, durante 15 dias ao ano,

Cantas alegremente, UIRAPURU,

Construindo teu ninho

Para com teus filhotes morar.

 

Tristes tememos que também os índios e sertanejos

Que lá habitam e tantos seres

Que também te ouvem

Podem ficar sem este encanto

Do teu belo cantar.

 

UIRAPURU!  UIRAPURU!  UIRAPURU!

Cantador do meu sertão

Que com tuas melodias

Cantam e encantam todos aqueles que te ouvem

E com muita tristeza

Temem o silêncio do teu cantar.

 

 

JC BRIDON

 

12/04/11

 

Homenagem ao pássaro Uirapuru,natural da Mata Amazônica que, somente durante 15 dias ao ano canta, enquanto constrói seu ninho e que está prestes a desaparecer ante a ganância do ser humano e do Poder que julgam possuir.

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores

    Tão lindo quanto o canto do Uirapuru é ouvir o canto dele em teus versos. Magnífico! Bjs

  • Parabéns, poeta, poema lindo, primoroso, o homem julga-se dono de tudo que há sobre a terra, não sabe ele que és apenas, um elo da corrente da vida... Abraços, paz e Luz!!!

  • Sempre terno, belo, magistral, genial...

    parabens_escuro.gif?width=500

  • Gestores

    osilenciodoteucantarjcbiron.gif

  • BroadwayBaby.jpg

This reply was deleted.
CPP